Presidente confirma saída de Jadson: 'não tem o que fazer'

Presidente confirma saída de Jadson: 'não tem o que fazer'

Por Meu Timão

Roberto de Andrade confirma a negociação por Jadson

Roberto de Andrade confirma a negociação por Jadson

Foto: Divulgação

Nessa segunda-feira, o novo presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, foi o convidado do programa "Fox Sports Rádio Night" e falou sobre a saída de Jadson, que deixará o time para atuar no futebol chinês nos próximos dias.

- Não podemos dizer que é oficial, porque oficial é só quando está assinado e recebido e o acerto não foi feito ainda. Mas está quase certo. Eles tinham feito uma proposta de 5 milhões de euros e eu pedi para ceder o jogador só depois da Libertadores, mas eles pagaram a multa, aí não tem o que fazer - disse Roberto de Andrade.

A intenção do presidente do Timão era de segurar o atleta até o final da Libertadores, mas como o clube chinês resolveu pagar o valor da multa estipulado na rescisão do contrato, o Corinthians terá que liberar o atleta quando receber o montante de 5 milhões de euros.

- A multa é o limite contratual de qualquer atleta e ele mostrou interesse de sair. Não tem contraproposta. Vou fazer o que? Comprar o atleta de novo? Não dá. Se o jogador fala 'não quero jogar na China', a multa não tem valor, mas se o atleta tem vontade não tem jeito - explicou o presidente.

Com apenas 30% dos direitos econômicos do jogador, o Corinthians receberá 4.8 milhões de reais pela venda do meia.

Veja Mais:

  • Desfalque diante do Vitória, Pablo está recuperado e deve viajar a Goiânia

    Treino do Corinthians tem rachão com 'morte súbita', 'desafio' a Clayson e disputa de pênaltis

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Para presidente corinthiano, aporte da Crefisa no Palmeiras é 'ponto fora da curva'

    'Desleal', diz Roberto de Andrade sobre apoio da Crefisa ao arquirrival do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes