UOL se rende à Arena Corinthians

UOL se rende à Arena Corinthians

Por Meu Timão

17 mil visualizações 131 comentários Comunicar erro

Portal UOL publicou matéria destacando pontos fortes da Arena Corinthians

Portal UOL publicou matéria destacando pontos fortes da Arena Corinthians

Reprodução Internet

Tudo bem que eles ainda chamam de "Itaquerão", mas o portal UOL se rendeu à Arena Corinthians em matéria publicada na manhã desse sábado. Às vésperas do confronto contra o Mogi Mirim, na nova casa alvinegra, o Timão ostenta uma aproveitamento invejável como mandante: são 22 partidas sem perder - 16 vitórias e seis empates.

Aproveitamento que, segundo o UOL, acontece por causa de "elementos que, de fato, fazem o estádio recentemente construído jogar a favor do Corinthians".

Para comprovar esse dado, mesmo que não seja objetivo, o portal citou três fatores "peculiares" que "provocam efeito moral no time corintiano".

Acústica que impulsiona os jogadores

A matéria cita a acústica da Arena Corinthians como um dos pontos que jogam a favor do Timão. "De acordo com o projeto feito, a intenção era de o Itaquerão produzisse a sensação sonora dobrada em relação ao Pacaembu. E para isso, não se pensou apenas no efeito moral para o Corinthians, mas também no conforto da vizinhança do estádio. Para que o som fosse abafado, quatro camadas de absorção do som foram instaladas na cobertura. O formato da camada inferior foi pensado para que o som batesse e voltasse ao gramado.

Antes das partidas do Corinthians, mesmo quando ainda há pouco público, a sensação sonora é de que o estádio está mais cheio do que na sensação visual. No projeto do Itaquerão, 113 decibéis era o ápice previsto, justamente no momento dos gols corintianos".

Gramado que incomoda adversários

"A bola corre mais rápido que na grande maioria dos campos brasileiros e dificulta as coisas para os adversários em alguns momentos. O fato foi apontado por são-paulinos como Rogério Ceni no último duelo pela Copa Libertadores, e fez com que diversos escorregões acontecessem. Habituado, inclusive por treinar por lá, o Corinthians acaba por tirar alguma vantagem.

Chamado pelo meia Alex de o melhor do Brasil, o gramado corintiano foi importado de Oregon, na costa oeste dos Estados Unidos e plantado no próprio Itaquerão em junho de 2013. A inspiração do modelo está nos ingleses Wembley e Emirates Stadium, mas com peculiaridades. O sistema de refrigeração custou R$ 1,5 milhão para colocar ar e água gelados na grama. Há uma máquina de iluminação artificial especial".

Torcida que enche o estádio

"São 23 partidas na nova casa, se contado o amistoso com o Corinthian Casuals-ING. Lá, o Corinthians conseguiu média de público superior a 30 mil pagantes por jogo desde a inauguração. De acordo com dados do clube, mais de 700 mil ingressos já foram vendidos, e a Libertadores têm feito aumentar a presença de torcida.

Contra o São Paulo, há dez dias, o recorde do Itaquerão foi quebrado com a presença de 38487 pagantes. Essa renda ajuda o clube a se preparar para as parcelas mensais de R$ 6 milhões a serem pagas ao BNDES no segundo semestre".

Veja Mais:

  • Clayson, Luan, Sornoza, Marciel e Matheus Matias: confira o vaivém no Corinthians neste fim de 2018

    Corinthians no mercado da bola: veja quem chega e quem sai do clube para 2019

    ver detalhes
  • Sergio Díaz é bem cotado no Corinthians para 2019

    Corinthians confia em boom de Sergio Díaz e já projeta mantê-lo; veja operação financeira

    ver detalhes
  • Corinthians pode perder Romero de graça para o Internacional em 2019

    Ainda sem acordo por renovação no Timão, Romero negocia pré-contrato com o Internacional

    ver detalhes
  • Ramiro possui contrato com Grêmio até 2021; Timão contatou pai do atleta

    Corinthians consulta pai de Ramiro, do Grêmio, e mostra interesse no meia

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes