Corinthians confirma que Elias não fará boletim de ocorrência contra uruguaio

Corinthians confirma que Elias não fará boletim de ocorrência contra uruguaio

Por Meu Timão

Elias foi chamado de macaco por Gonzalez

Elias foi chamado de macaco por Gonzalez

Foto: Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians

O Corinthians se posicionou oficialmente sobre o lance de racismo envolvendo o meia Elias na partida contra o Danubio, nessa quarta-feira, pela Copa Libertadores. Segundo o chefe de segurança, o Coronel Dutra, o clube optou apenas por relatar o lance na súmula da partida.

Por orientação da diretoria e do técnico Tite, o meia Elias não irá a uma delegacia fazer um boletim de ocorrência contra o zagueiro Cristian González. Aos 24 minutos do primeiro tempo, no lance anterior ao primeiro gol da partida, Elias discutiu com o jogador uruguaio após ser chamado de "macaco" por ele.

Segundo o Coronel Dutra, o lance foi relato a arbitragem e será informado na súmula do jogo.

"Foi falado com o representante da Conmebol e relatado o que o jogador (Elias) passou para nós", declarou o chefe de segurança em entrevista por telefone a Rádio Globo.

Veja o vídeo do momento em que Elias é xingado

Veja Mais:

  • Mateus Vital será titular do Corinthians e fará assim sua estreia com a camisa alvinegra

    Carille muda todo o ataque e define Corinthians para pegar Ferroviária; Vital estreia

    ver detalhes
  • Rodriguinho e Danilo: o primeiro está fora do jogo desta quarta; o segundo começa no banco

    Rodriguinho sai e Danilo volta: Corinthians divulga relacionados para jogo contra Ferroviária

    ver detalhes
  • Cássio contou bastidores dos primeiros dias de Henrique no CT do Corinthians

    'Pode falar?' Cássio conta detalhes de reforço que está 'escondido' no CT do Corinthians

    ver detalhes
  • Sheik foi apresentado pelo Corinthians na última sexta-feira, no CT

    Sheik aparece no BID e fica apto a reestrear pelo Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes