Timão não está recebendo por Lodeiro, diz imprensa argentina

Timão não está recebendo por Lodeiro, diz imprensa argentina

Por Meu Timão

25 mil visualizações 106 comentários Comunicar erro

Boca Juniors não está pagando o Timão pela compra de Lodeiro

Boca Juniors não está pagando o Timão pela compra de Lodeiro

Foto: Daniel Augusto/ Agência Corinthians

O Corinthians parece estar com problemas para receber o dinheiro da venda do meia Nicólas Lodeiro. O jogador foi vendido ao Boca Juniors, da Argentina, no início de fevereiro desse ano, por U$$ 3 milhões (R$ 8 milhões).

Um terço do valor, U$$ 1 milhão (R$ 2,8 milhões), foi pago à vista no acerto do contrato. O restante seria liquidado em parcelas durante os próximos anos. Entretanto, esse dinheiro estaria parado na Argentina e não está chegando nos cofres alvinegros.

A informação é do jornalista argentino, Claudio Civiello, da Rádio Cadena Eco, de Buenos Aires. Segundo ele, o Banco Central da Argentina não está liberando dinheiro para que o clube possa acertar as dívidas com o Corinthians.

A situação também está complicando o Boca Juniors com outros clubes, como o Catania, da Itália, pela compra do lateral-esquerdo Fabián Monzón.

Ainda segundo o jornalista, o Boca Juniors garante que está trabalhando para conseguir a liberação dos valores.

Confira o que disse o jornalista

Veja Mais:

  • Timão viu Internacional ser superior e vencer com gol aos 46 minutos do segundo tempo

    Corinthians perde colocações no Brasileirão após revés para Internacional; veja tabela

    ver detalhes
  • Zaga de Loss bateu cabeça no Sul e perdeu a segunda seguida

    Defesa falha, Corinthians cede virada ao Internacional e perde a segunda com Loss

    ver detalhes
  • Em tarde ruim, Timão decepcionou no Sul e levou virada por 2 a 1

    Torcida do Corinthians elege 'vilões' de derrota para Internacional; Vital se salva

    ver detalhes
  • Mantuan chorou bastante após o término do jogo

    Nas redes sociais, colegas e Loss dão força a Mantuan; irmão manda recado emotivo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes