Depois de mordida, reencontro de Sheik e Caruzzo tem atitude surpreendente

Depois de mordida, reencontro de Sheik e Caruzzo tem atitude surpreendente

Por Meu Timão

4.1 mil visualizações 21 comentários Comunicar erro

Emerson Sheik x Matias Caruzzo na final da Libertadores de 2012

Emerson Sheik x Matias Caruzzo na final da Libertadores de 2012

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Contra o San Lorenzo, Emerson Sheik reencontrou um polêmico rival - o zagueiro Matías Caruzzo, ex-Boca Jrs. A dupla protagonizou um episódio marcante na final da Libertadores em 2012, quando o Timão se sagrou campeão pela primeira vez - os dois se desentenderam durante a partida, e Sheik chegou a morder a mão do argentino.

Agora, com Caruzzo vestindo as cores de outro clube, os dois jogadores viram outro duelo entre suas equipes. A primeira partida aconteceu em março, quando o Corinthians enfrentou o San Lorenzo na Argentina, mas os atletas não tiveram a oportunidade de se reencontrar - na ocasião, Sheik sentiu dores no joelho e acabou ficando de fora da partida.

Curiosamente, apesar da polêmica, o reencontro dos dois foi supreendente: ambos titulares, os dois jogadores deram um abraço caloroso antes do início da partida em Itaquera, na noite desta quinta-feira. Para quem esperava resquícios da rivalidade entre os jogadores, a atitude mostrou que os conflitos do passado foram resolvidos.

Veja Mais:

  • Corinthians de Ralf já respira mais tranquilo na luta contra a parte de baixo da classificação

    Jogos de domingo chegam ao fim, e Corinthians dobra distância para o Z4; veja classificação

    ver detalhes
  • Ándrés Sanchez aparece do lado do presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, e Ronaldo

    Presidente do Corinthians se reúne com presidente do Real Madrid em passagem pela Espanha

    ver detalhes
  • Avelar teve atuação contestada pela torcida após jogo desse sábado contra o Vasco

    Avelar admite queda de rendimento, lista possíveis motivos e diz que pode melhorar no Corinthians

    ver detalhes
  • Árbitro Wilton Pereira Sampaio foi bastante requisitado no tenso duelo entre Corinthians e Vasco

    Árbitro relata em súmula tentativa vascaína de intimidação na Arena Corinthians; entenda

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes