Oito corinthianos são assassinados na sede da torcida Pavilhão Nove

200 mil visualizações 193 comentários

Por Meu Timão

Sete corinthianos foram assassinados

Sete corinthianos foram assassinados

Durante a noite desse sábado, oito torcedores corinthianos foram assassinados na sede da torcida organizada pavilhão nove, que fica embaixo da ponte dos Remédios, na zona oeste de São Paulo.

Segundo o relato da polícia militar, três pessoas armadas invadiram no local, brigaram sete corinthianos a deitarem no chão e depois atiraram na cabeça dos torcedores, matando um por um.

Uma oitava pessoa ainda foi baleada, correu para o lado de fora da quadra até um posto de gasolina. A vítima foi socorrida com vida e levada ao Hospital das Clínicas, mas não resistiu aos ferimentos.

A Polícia Militar foi chamada por volta das 23 horas. Policiais do 3º Distrito Policial, em Pirituba, atenderam a ocorrência, encontraram os corpos um ao lado do outro e confirmaram a informação.

Apesar da véspera do clássico contra o Palmeiras, na semifinal do Paulistão, a ação ainda não foi confirmada como um ato de alguma torcida rival. A informação é que seria um “acerto de contas”.

Atualização 19/04 às 13 horas.

Os nomes de sete das oito vítimas do massacre já foram confirmados pela PM. São eles: Fabio Neves, 34 anos; Ricardo Júnior Leonel do Prado, de 34 anos; André Luiz Santos de Oliveira, de 29 anos; Mateus Fonseca de Oliveira, 19 anos; Jhonatan Fernando Garzillo Massa, 21 anos; Marco Antônio Corassa, 19 anos; e Mydras Schmidt, de 38 anos.

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x