Centroavante ignora dívida e Timão economiza R$ 2,5 milhões

Centroavante ignora dívida e Timão economiza R$ 2,5 milhões

Por Meu Timão

Souza defendeu o clube alvinegro entre 2009 e 2010 e marcou 11 gols

Souza defendeu o clube alvinegro entre 2009 e 2010 e marcou 11 gols

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Quase toda semana, o Corinthians recebe novos processos ou é lembrado de processos antigos de ex-jogadores. Na contramão disso, o centroavante Souza, que atuou no time entre 2009 e 2010, resolveu ignorar uma dívida de R$ 2,5 milhões de reais.

Atualmente na reserva do Paysandu, Souza tinha esse valor para receber do Timão referente ao pagamento de direitos imagens não quitados pelo clube durante o período de contrato. No entanto, após um acordo, ficou decidido que o Corinthians estaria livre de quitar o valor.

O motivo é curioso. O jogador e seu empresário, Carlos Leite, entendem que o desempenho de Souza não foi conforme o esperado e que, por isso, o valor que ele já recebeu no seu tempo de vínculo foi o suficiente. O fato foi destacado em reportagem do UOL Esporte, que tentou falar com o centroavante, que preferiu não comentar o assunto.

Em 2009, Souza foi contratado para ser o reserva imediato de Ronaldo Fenômeno. Pelo Corinthians, ele atuou em 69 partidas e marcou 11 gols. Mesmo depois de tanto tempo, o jogador nunca entrou na Justiça pelo valor devido. Mas, apesar do acordo, a dívida ainda aparece no balanço financeiro do Corinthians, pois ainda não foi assinado um acordo oficial, apenas apalavrado.

Veja Mais:

  • Jogo do Corinthians contra o Grêmio será transmitido para 13 estados do Brasil

    TV Globo exibe Corinthians e Grêmio para 13 estados do Brasil; confira

    ver detalhes
  • Corinthians vem de boa vitória no Brasileirão

    Corinthians pode se isolar na liderança e aumentar distância do G6; veja a classificação

    ver detalhes
  • Corinthians entra em campo neste domingo contra o Grêmio

    Corinthians visita Grêmio neste domingo para se consolidar na briga pelo hepta do Brasileirão

    ver detalhes
  • Gramado da Arena Corinthians está mais suscetível a 'escorregões' por excesso de umidade

    Gramado da Arena Corinthians 'chegou no limite', diz presidente de empresa responsável

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes