Sem 'padrinho' Sheik, promessa da base deixa futuro na mão de Tite

Sem 'padrinho' Sheik, promessa da base deixa futuro na mão de Tite

Léo Jabá ao lado de Sheik, na casa do 'padrinho' no Rio de Janeiro

Léo Jabá ao lado de Sheik, na casa do 'padrinho' no Rio de Janeiro

Foto: Arquivo Pessoal

Com um título mundial conquistado na Espanha na bagagem, o atacante Léo Jabá desembarcou em São Paulo na última terça-feira. Agora, ele aproveita alguns dias de folga antes de voltar ao trabalho na próxima segunda-feira.

Um dos destaques do Corinthians no Mundial Sub-17, Léo já se sente preparado para assumir um espaço na equipe profissional e deixa o seu futuro nas mãos do técnico Tite.

"Eu estou preparado. A responsabilidade é muito grande, pela camisa que a gente veste, mas eu estou pronto. Agora a hora vai depender do Tite", contou o jovem, em entrevista exclusiva ao Meu Timão.

"Sou um cara guerreiro, batalhador, que não tem bola perdida. Sou a cara do Corinthians. Sou rápido, veloz...", completou, confiante, o jovem de apenas 17 anos.

O motivo da confiança estava ao lado dele no momento do bate-papo: o atacante Emerson Sheik. Léo estava na casa do "padrinho", no Rio de Janeiro, onde está passando o feriado.

"Eu o conheci quando o sobrinho dele veio fazer teste e seguimos conversando até hoje. A relação é muito boa e vem crescendo cada dia mais. Ele me dá conselhos, diz o que eu preciso melhorar", comentou o jovem.

Léo, no entanto, lamenta que, se receber uma chance do técnico Tite, não poderá jogar ao lado do seu maior ídolo e conselheiro. "Fico triste, né? Gostaria de realizar o sonho de jogar ao lado dele, mas infelizmente não vai dar. Deus sabe o que faz, quem sabe que não jogo contra ele? Mesmo assim o meu carinho, o meu respeito vão continuar, independente de onde ele estiver jogando", afirmou o jovem.

Sem Sheik, o jovem não escolhe com quem gostaria de dividir o ataque alvinegro, se ganhasse uma chance. "Não tenho preferência por um companheiro, qualquer um deles seria bom, me ajudando. Eu só quero isso, ajudar a equipe, ajudar meus companheiros e dar alegria aos corinthianos", ressaltou.

Os conselhos do padrinho, a confiança no seu futebol e as boas atuações já estão dando resultado. Logo após chegar de viagem, Léo renovou seu contrato de patrocínio com a fornecedora de materiais esportivos, a Adidas, até 2017.

Na segunda-feira, após curtir o feriado no Rio de Janeiro, o jovem retorna aos treinamentos e já inicia a preparação junto aos colegas para a Taça BH Sub-17, que será disputada no início de julho. Enquanto treina, Léo aguarda uma chance do técnico Tite para mostrar que está mesmo preparado.

Veja Mais:

  • Dupla Jô-Rodriguinho já não se mostra mais tão efetiva quanto em outros tempos

    Corinthians leva dois gols de bola área, perde do Botafogo e fica pressionado no Brasileirão

    ver detalhes
  • Clayson falou com a imprensa brevemente: 'Não foi nada demais'

    Atacante do Corinthians é conduzido por policiais a prestar esclarecimentos no Rio

    ver detalhes
  • Corinthians de Carille perdeu do Botafogo na noite dessa quarta-feira

    Torcida 'perdoa' cinco jogadores e dá pior nota a Carille após derrota do Corinthians no Rio

    ver detalhes
  • Acorda, presidente!

    [Walter Falceta] Acorda, presidente!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes