R$ 5 milhões em multa 'barram' Sheik e Guerrero contra o Timão

R$ 5 milhões em multa 'barram' Sheik e Guerrero contra o Timão

Por Meu Timão

Se entrarem em campo, dupla pode render R$ 5 milhões ao Timão

Se entrarem em campo, dupla pode render R$ 5 milhões ao Timão

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Não é somente um acordo de cavalheiros que impede que Emerson Sheik e Paolo Guerrero entrem em campo no dia 12. O Corinthians possui acordos com multas contratuais, que chegam a quase R$ 5 milhões de reais caso a dupla jogue contra o Timão. A informação é do LANCE!.

Segundo a publicação, a diretoria alvinegra afirma que os dois jogadores assinaram uma cláusula ao rescindirem os seus contratos. Como ambos já estavam acertados com Flamengo, o Corinthians exigiu uma multa para que eles não jogassem contra o ex-clube antes da data que terminava os seus contratos. Sheik tinha vínculo até 31 de julho, enquanto Guerrero pertencia ao Timão até 15 de julho.

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, foi informado assim que as cláusulas foram incluídas e assinadas. Mesmo assim, ele declarou em entrevista nessa quarta-feira, que ainda acredita que a situação possa ser revertida.

"Qualquer possibilidade de acordo tem de ser bom para as duas partes. E principalmente neste caso com o Corinthinas. Temos um acordo com ele e pretendemos cumprir. Se houver qualquer coisa que poderia recompensá-los, seja bom para eles, a gente pode evoluir", afirmou. "Vamos continuar para conversar para ver o que acontece. Se não for possível, vamos entender e aceitar", completou, em entrevista à ESPN Brasil.

O empresário de Emerson Sheik, Reinaldo Pitta, negou que exista a cláusula impeditiva e que tudo não passa de um acordo entre os dois presidentes. Por outro lado, o de Paolo Guerrero, confirmou a existência da multa caso o peruano entre em campo.

A novela deve correr até o dia 12 de julho, quando o Flamengo recebe o Corinthians, no Maracanã, em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo poderia ser a estreia de Paolo Guerrero com a camisa do time carioca, já que ele ainda está no Chile disputando a Copa América.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes