Renato Augusto vê vantagem em não encarar Guerrero e Sheik contra o Flamengo

Renato Augusto vê vantagem em não encarar Guerrero e Sheik contra o Flamengo

Por Meu Timão

Meio-campista comemora não enfrentar Guerrero e Sheik

Meio-campista comemora não enfrentar Guerrero e Sheik

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A equipe do Corinthians conhece a fundo as habilidades dos atacantes Paolo Guerrero e Emerson Sheik, que se transferiram ao Flamengo. Depois da confirmação dos atletas fora do primeiro confronto entre os dois clubes no Campeonato Brasileiro deste ano, Renato Augusto reconheceu que prefere não enfrentar a dupla neste domingo.

"É uma situação diferente. São caras que até há pouco tempo estavam aqui e conhecem muito bem nosso time. Para nós, vai ser bom se eles não jogarem", explicou o meia.

Como o Corinthians liberou os dois jogadores antes do término do vínculo com o clube, foi criada uma cláusula nos termos de rescisão dos contratos, que os impediriam de entrar em campo contra o Timão pelo Flamengo, prevendo multa de cerca de R$ 5 milhões caso o acordo não fosse respeitado.

Enquanto Sheik já estreou pelo Flamengo no dia 20 de junho, Guerrero, por defender a Seleção Peruana na Copa América, só iniciará seus trabalhos no clube carioca nesta semana.

Antes de encarar o Flamengo neste domingo, no Maracanã, o Timão enfrenta o Atlético-PR nesta quinta-feira, às 19h30, na Arena Corinthians, também pelo Brasileirão.

Veja Mais:

  • Kazim aplicou um belo chapéu em Felipe Melo no clássico

    Corinthians divulga vídeo com belos chapéus de Romero e Kazim no Dérbi; confira

    ver detalhes
  • Sanchez é investigado na operação Lava-Jato

    Odebrecht diz ter pago caixa dois milionário a Andrés Sanchez, segundo jornal

    ver detalhes
  • Equipe superou o erro da arbitragem e venceu clássico com um a menos

    Épico! Histórico! Na raça! Corinthians supera lambança da arbitragem e vence o Dérbi na Arena

    ver detalhes
  • Thiago Duarte Peixoto não relatou seu erro na súmula

    Súmula confirma lambança, mas pode prejudicar ainda mais o Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes