De volta ao time titular, Cássio fala sobre próxima partida: 'Difícil jogar no Morumbi'

De volta ao time titular, Cássio fala sobre próxima partida: 'Difícil jogar no Morumbi'

Por Meu Timão

Cássio fala sobre clássico no Morumbi

Cássio fala sobre clássico no Morumbi

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Prestes a enfrentar o São Paulo neste domingo, recuperado de uma tendinite na coxa esquerda, Cássio voltará a defender o gol do Corinthians, buscando reverter, junto ao grupo, a sequência de cinco clássicos sem vencer.

"Isso fica para torcedor, imprensa. Nós estamos bem tranquilos, não nos apegamos nisso. Tabus são para serem quebrados. Vamos pensando em fazer um grande jogo e conseguir a vitória", afirmou o jogador, justamente sobre o período sem vitórias sobre os principais adversários do estado.

"É um clássico bem complicado, difícil jogar no Morumbi. Precisamos estar bem preparados, fazer uma boa semana de treinamentos. Vamos lá buscar a vitória. Estamos preparados. Clássico tem atmosfera diferente", disse. "É um dos maiores clássicos de São Paulo, tem a rivalidade, história de outros jogos, uma partida de respeito no Brasil", acrescentou.

Projetando uma disputa equilibrada pelos pontos da 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, o arqueiro ressaltou a troca de treinador do rival do Morumbi.

"Pode ser que seja sim (equilibrado). Apesar de estarmos com alguns pontos na frente, acho que vai ser bem equilibrado. São Paulo mudou de treinador, que vai motivar bastante a equipe. Vai ser um clássico bem disputado", analisou. "Os dois clássicos jogando fora de casa serão de grande expressão pelo fato de termos perdido para São Paulo e Palmeiras. Pelo fato de ter jogado muito com o São Paulo nos últimos anos é o maior clássico nosso. Vai ser um jogo difícil. Não sei falar se o São Paulo mudou muito (com Osorio), mas acredito que deva ter melhorado, está bem na tabela. Vai ser difícil", completou, lembrando ainda do outro clássico, contra o Santos, válido pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Por fim, Cássio também lembrou da ausência de Alexandre Pato em campo, como adversário. "Ele vai fazer falta, é o artilheiro da equipe, vem fazendo gols, sendo referência. Ele não jogando a equipe deles perde qualidade, mas há um grande elenco que virá com muita força para esse clássico", observou. "É fundamental ganhar em casa e buscar pontos fora", concluiu.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes