Depois de dúvida, Malcom confirma gol anotado a seu favor

Depois de dúvida, Malcom confirma gol anotado a seu favor

Por Meu Timão

Malcom marcou o terceiro gol do Corinthians contra o Sport

Malcom marcou o terceiro gol do Corinthians contra o Sport

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians marcou quatro gols em cima do Sport nesta quarta-feira. Dois de Luciano, um de Jadson e um de Malcom. Sim, de Malcom. O atacante confirmou, no final da partida, que o árbitro Luiz Flávio Oliveira deu o terceiro gol do Timão no jogo para ele.

"Eu ia dominar a bola e iria sair sozinho. Então acabou o jogo eu falei 'professor, dá o gol pra mim' e ele disse 'o gol foi seu, o zagueiro que desviou'. Deu até uma aliviada, eu estava precisando fazer um gol", contou Malcom. "Sim, sim, ele confirmou", completou, na zona mista da Arena Corinthians.

Aos 14 minutos do segundo tempo, Jadson fez um ótimo lançamento pelo alto nas costas de defesa, Malcom dominou, invadiu a área e finalizou. O lateral do Sport, Samuel Xavier, deu um carrinho para evitar a jogada, mas acabou empurrando a bola contra o próprio gol.

Titular no Timão, Malcom não marcava desde o início de julho, contra o Atlético-MG, também na Arena Corinthians. Nessa temporada, o jogador tem, agora, cinco gols marcados.

Veja Mais:

  • Léo Príncipe, Maycon e Fagner estão na lista de jogadores divulgada pelo Corinthians

    Sem Pablo e Pedrinho, Corinthians relaciona 22 jogadores contra o Botafogo

    ver detalhes
  • O Timão bateu o Colo-Colo, neste sábado, em jogo dramático

    Mesmo prejudicado pela arbitragem, Corinthians conquista título inédito da Libertadores Feminina

    ver detalhes
  • O Timão venceu o Colo-Colo nos pênaltis na noite deste sábado

    Até rival torceu! Título inédito do Corinthians movimenta rede social; arbitragem é criticada

    ver detalhes
  • Corinthiana assumida, Marta comemorou o título da equipe feminina do Timão

    Melhor da história, Marta comemora título inédito do Corinthians em rede social

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes