Após provocações, Corinthians faz aposta com Santos no Twitter

Após provocações, Corinthians faz aposta com Santos no Twitter

Timão enfrenta o Santos, logo mais, às 22h, na Vila Belmiro

Timão enfrenta o Santos, logo mais, às 22h, na Vila Belmiro

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Horas antes do clássico da noite desta quarta-feira, o Corinthians usou suas redes sociais para provocar o Santos, adversário da Copa da Brasil. A brincadeira terminou com uma aposta por uma boa causa.

O Timão que começou a troca de mensagens. O clube lembrou que já venceu o Santos em três competições diferentes e que, agora, era a hora de vencer, também na Copa do Brasil. O time da Baixada Santista respondeu.

O Timão não deixou barato e respondeu perguntando se os santistas lembravam dos resultados do Paulistão de 2009 e da Copa Libertadores de 2012. O Santos preferiu apelas pra confrontos mais recentes, como o último encontro entre as equipes, há dois meses.

Depois das provocações, os dois clubes resolveram fazer uma aposta. O Timão sugeriu que o time que passar para a próxima fase da Copa do Brasil doe uma camisa autografada para uma instituição da caridade. O Santos topou e o Timão ainda desejou que os dois jogos tenham "lealdade" dentro de campo.

Veja Mais:

  • Resultados do domingo pressionam Corinthians para duelo desta segunda-feira

    Rivais vencem na rodada e diminuem vantagem do Corinthians na liderança; veja classificação

    ver detalhes
  • O Timão não conseguiu passar pelo Sorocaba na tarde deste domingo

    Gol ilegal e confusão da torcida: Corinthians/UNIP fica com o vice da Liga Paulista de Futsal

    ver detalhes
  • Corinthians/Guarulhos disputou a segunda rodada da Superliga de Vôlei neste domingo

    De virada, Corinthians/Guarulhos vence Minas e conquista primeira vitória na Superliga

    ver detalhes
  • Léo Príncipe, Maycon e Fagner estão na lista de jogadores divulgada pelo Corinthians

    Sem Pablo e Pedrinho, Corinthians relaciona 22 jogadores contra o Botafogo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes