Destaque do clássico, Jadson desdenha de reclamações do Santos

Destaque do clássico, Jadson desdenha de reclamações do Santos

Por Meu Timão

Com 14 gols marcados na temporada, Jadson se tornou o artilheiro do elenco do Corinthians

Com 14 gols marcados na temporada, Jadson se tornou o artilheiro do elenco do Corinthians

Foto: Reprodução/TV

Na Arena Corinthians, o Timão derrotou o Santos por 2 a 0 e somou três pontos importantes para a sequência do Campeonato Brasileiro. Responsável pelos gols alvinegros, o meia Jadson foi um dos principais jogadores do clássico. Após o apito final, o camisa 10 comemorou o triunfo dentro de casa e afirmou que a equipe corinthiana mereceu a vitória.

“O grupo foi merecedor da vitória, todo mundo teve sua parcela na vitória de hoje. Fico feliz porque era uma vitória que estávamos precisando em cima do Santos. Demos um passo na competição. É continuar com os pés no chão trabalhando firme”, afirmou Jadson, ainda à beira do gramado.

A construção do placar, no entanto, começou somente aos 40 minutos do segundo tempo. Após o lateral-esquerdo Zeca dar um pontapé em Vagner Love dentro da área, Jadson chamou a responsabilidade e converteu a cobrança de pênalti. Dois minutos depois, em bela jogada do estreante Lucca, o camisa 10 recebeu o cruzamento de Elias e selou a vitória em Itaquera.

“Nossa equipe desde o começo do jogo pressionou muito o time do Santos. Conseguimos manter a posse de bola, a vitória foi merecida, nossa equipe entrou muito concentrada e conseguimos os três pontos que era o mais importante”, comemorou o agora vice-artilheiro do Brasileirão, com 11 gols.

Com 57 pontos, o Corinthians torce por um tropeço do Atlético-MG, que enfrenta o Flamengo dentro do Independência neste domingo, às 16h. “Nossa equipe trabalhou muito desde o começo do ano para estar nessa situação no campeonato. Não é a toa que conseguimos essa colocação. Sempre buscamos com os pés no chão, chororô sempre vai existir”, defendeu – na visão dos santistas, o árbitro errou ao marcar a penalidade máxima.

“Acho que faz parte (a reclamação). Eles reclamaram do pênalti, mas eu não sei o que aconteceu. A nossa equipe foi ofensiva desde o começo do jogo. A vitória foi merecida. Agora, é continuar trabalhando”, completou.

Veja Mais:

  • Marlone foi o destaque do treino desta quinta-feira

    Marlone marca, Caíque ganha chance e Oswaldo volta a ensaiar escalação do Corinthians

    ver detalhes
  • Rodriguinho admitiu possível saída do Corinthians

    Rodriguinho cogita saída do Corinthians: 'Vamos sentar e conversar'

    ver detalhes
  • Léo Jabá, marcado por Balbuena a imagem acima, está à disposição de Oswaldo

    Léo Jabá tranquiliza Corinthians após susto e está à disposição para jogo contra Cruzeiro

    ver detalhes
  • Corinthians tem missão complicada por vaga na Libertadores

    Resultado da Copa do Brasil complica ainda mais situação do Corinthians rumo à Libertadores

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes