Reservas do Corinthians são responsáveis por 1/3 dos pontos no Brasileirão

1.2 mil visualizações 30 comentários

Por Meu Timão

Rodriguinho marcou o gol de empate do Timão contra a Ponte

Rodriguinho marcou o gol de empate do Timão contra a Ponte

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Dos 61 pontos conquistados pelo Corinthians neste Campeonato Brasileiro, que caminha para sua 30ª rodada, 20 deles foram com a ajuda de jogadores que não começaram as partidas como titulares. Vindos do banco de reservas, acabaram marcando gols e garantindo pontos para o Timão continuar subindo na tabela.

Foi o caso deste domingo, quando o Corinthians perdia por 2 a 1 para a Ponte Preta e o meia Rodriguinho, que havia entrado em campo para substituir Elias, marcou o gol do empate alvinegro, aos 39 minutos do segundo tempo.

O exemplo se repete desde a estreia na competição. Na partida válida pela 1ª rodada, contra o Cruzeiro, Ángel Romero marcou o gol da vitória por 1 a 0 sobre o clube mineiro. Como, na época, a equipe também disputava a Libertadores, os reservas entraram em campo pelo Brasileirão.

Vagner Love era titular no ataque do Timão, mas perdeu sua posição para o jovem Luciano, assim que ele voltou da Seleção Olímpica, que disputou os Jogos Pan-Americanos. Após sair do banco de reservas, Luciano marcou cinco gols em três jogos - um no empate em 1 a 1 com o São Paulo, dois na vitória por 4 a 3 sobre o Sport e dois contra o Avaí, na conquista por 2 a 1 -, o que garantiu sete pontos ao Corinthians.

No entanto, pouco tempo depois de ter conquistado uma vaga no ataque, Luciano sofreu uma ruptura do ligamento cruzado anterior e uma lesão no menisco lateral no joelho direito, o que o afastou dos gramados até 2016. Com isso, Love voltou à equipe titular e marcou dois gols da vitória por 3 a 0 sobre o Cruzeiro, já válida pelo segundo turno do campeonato nacional.

Já na 22ª rodada, na partida contra o Fluminense, o volante Marciel substituiu Bruno Henrique, também lesionado, e marcou seu primeiro gol como profissional. Pouco tempo depois, Malcom começou a partida contra o Joinville no banco de reservas e, ainda nos minutos iniciais, Rildo sofreu uma lesão no ombro, fazendo com que o jovem voltasse ao time e tivesse a oportunidade de marcar o primeiro gol da vitória por 3 a 0.

Veja Mais:

  • Gobbi foi presidente do Corinthians de 2012 a 2015

    Em nova enquete do Meu Timão, Gobbi desponta como favorito à presidência do Corinthians; confira

    ver detalhes
  • Sidcley ainda não teve sequência no Corinthians pela forma física

    Corinthians faz acordo com Dínamo de Kiev e posterga pagamento por Sidcley

    ver detalhes
  • Lucca rescindiu seu contrato antecipadamente e não é mais jogador do Corinthians

    Tentativa do Corinthians com Lucca não dá certo e jogador rescinde contrato antecipadamente

    ver detalhes
  • Michel Huff detalhou a situação do trio corinthiano nesse retorno aos treinos

    Preparador do Corinthians detalha situações de Sidcley, Everaldo e Jô após retorno dos treinos

    ver detalhes
  • Jô segue o trabalho separado do grupo no CT Joaquim Grava

    Jô separado e trabalho em grupos: veja como foi o segundo dia de treino com bola no Corinthians

    ver detalhes
  • Camacho e Cantillo foram os volantes mais utilizados por Tiago Nunes no primeiro semestre de 2020

    Com a ascensão de Roni, elenco do Corinthians chega a seis volantes; Tiago Nunes utiliza apenas dois

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: