Corinthians pede adiamento e recebe apoio de Vasco da Gama

Corinthians pede adiamento e recebe apoio de Vasco da Gama

Por Meu Timão

Corinthians tem jogo contra o Vasco um dia após o jogo da seleção

Corinthians tem jogo contra o Vasco um dia após o jogo da seleção

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians ganhou o apoio de um importante aliado para garantir o adiamento da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Vasco da Gama, adversário do clube alvinegro na ocasião, se mostrou aberto ao diálogo para uma possível troca na data da partida entre os times, marcada para 18 de novembro (quarta-feira).

“Vamos conversar. Até agora ninguém falou comigo”, resumiu Eurico Miranda, presidente da equipe carioca, que tratou de confirmar o local do confronto. “Será em São Januário”, acrescentou o cartola.

Conforme antecipado pelo MEU TIMÃO, o Vasco teria de enfrentar um dilema nas próximas semanas: apoiar o adiamento da partida contra o Corinthians ou correr contra o tempo para “reformar” São Januário, onde não atua desde a derrota por 4 a 1 para o Palmeiras, pela 15ª rodada, em 26 de julho.

A volta do clube ao estádio depende da aprovação do Corpo de Bombeiros – recentemente, a cúpula vascaína iniciou uma reforma para ampliar a capacidade total das arquibancadas. A proposta é que o local passe a receber mais de 20 mil vascaínos, cerca de 5 mil torcedores a mais que a amplitude atual.

A decisão do dirigente deve pressionar a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) a transferir o duelo com o Corinthians para o próximo dia 19 (quinta-feira) – a mudança foi solicitada pelo Timão, principal clube a ceder jogadores para os dois jogos da Seleção Brasileira contra Argentina e Peru, nos dias 12 e 17 de novembro, pelas Eliminatórias.

Veja Mais:

  • Kazim terá nova oportunidade como titular diante do Palmeiras

    Em treino aberto na Arena, Carille define novo Corinthians para clássico

    ver detalhes
  • Carille terá onze suplentes à disposição no clássico

    Jadson fica fora do Dérbi; veja lista de relacionados do Corinthians

    ver detalhes
  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes