Feliz e campeão, Jadson garante permanência: 'Não tem por que ir embora'

5.6 mil visualizações 38 comentários

Por Meu Timão

Jadson viu do banco de reservas o Corinthians fazer 6 a 1 no rival paulista

Jadson viu do banco de reservas o Corinthians fazer 6 a 1 no rival paulista

Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Tido como um dos principais jogadores do Campeonato Brasileiro, o meia Jadson afirmou que não pretende deixar o Corinthians tão cedo. Após a goleada por 6 a 1 sobre o São Paulo, neste domingo, na Arena Corinthians, o armador declarou que foi acolhido muito bem no clube e que o bom ambiente no vestiário e dentro das quatro linhas é primordial.

“Eu me sinto em casa, todos me acolheram muito bem. Não tem porque ir embora”, considerou o camisa 10, que comemorou a festa do título ao lado dos filhos Matheus e Miguel, de cinco e oito anos, respectivamente.

“Esse campeonato, nossa equipe fez um belo campeonato. Mesmo com as pessoas não acreditando no nosso potencial. Aos poucos fomos ganhando corpo e hoje tenho a oportunidade de ser campeão brasileiro pelo Corinthians. É um sonho realizado, só agradeço a Deus por conquistar esse sonho. O objetivo foi cumprido”, acrescentou.

Envolvido na troca com Alexandre Pato, hoje no São Paulo, Jadson viveu altos e baixos no Corinthians até assumir a titularidade no início de 2015. Sob o comando do técnico Tite, ele virou protagonista do meio de campo alvinegro, atual campeão brasileiro. Seu contrato, porém, vai até agosto de 2016.

“Como eu disse, tive que ralar muito esse ano pra conseguir alcançar meus objetivos. Estou muito feliz por esse momento aqui no Corinthians, ser campeão é indescritível. É o ápice de quando você está jogando, estou muito feliz e vou continuar trabalhando da mesma forma. Sempre confiei no meu futebol, mesmo as pessoas criticando”, disse.

No entanto, se engana quem acredita que o corinthiano não pensa nos objetivos do próximo ano. “O pessoal do Corinthians vai fazer um planejamento, a diretoria. Mas o importante é manter essa base, tanto os jogadores que estavam jogando quando os que esperaram. As coisas deram certo, acho que com entrosamento as coisas podem melhorar. A gente tem o objetivo de ser campeão, independente de qual competição seja. Mas a Libertadores é nosso próximo passo”, finalizou.

Veja Mais:

  • Giuliano será apresentado pelo Corinthians nesta quarta-feira

    Corinthians marca apresentação virtual de meia Giuliano; saiba mais

    ver detalhes
  • Timão fará sua estreia na quinta-feira, às 19h30, contra o Paulistano

    Corinthians conhece datas do Paulista de Basquete; equipe estreia na quinta-feira

    ver detalhes
  • Giuliano completa nesta terça-feira exatos 100 dias sem entrar em campo; meia-atacante entrou em campo pela última vez no longínquo dia 25 de abril, quando atuou pelo Basaksehir, da Turquia

    Giuliano completa exatos 100 dias sem jogar; reforço do Corinthians se prepara para estreia

    ver detalhes
  • Jacinto Antônio Ribeiro, o "Jaça", conselheiro vitalício do clube, e pivô de conflito com Brazil nas últimas semanas; Márcio Bittencourt, ex-jogador e ex-treinador da base do clube

    Desentendimento na base do Corinthians separa Sub-23 das demais categorias; entenda

    ver detalhes
  • Sylvinho tem 16 jogos no comando do Corinthians, com mais derrotas (seis) do que vitórias (quatro), além de seis empates; saldo de gols também é negativo (12x16) e o aproveitamento é de 37,5%

    Pressão sobre Sylvinho aumenta no Corinthians; dois fatores jogam a favor do treinador

    ver detalhes
  • Ousado chegou ao Corinthians Free Fire em janeiro

    Técnico do Corinthians Free Fire abre o jogo sobre a saída de Ousado

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x