Depois da crise, Corinthians promove três atletas da base para o futsal profissional

Depois da crise, Corinthians promove três atletas da base para o futsal profissional

Por Meu Timão

4.9 mil visualizações 23 comentários Comunicar erro

Trio da base foi promovido ao elenco principal

Trio da base foi promovido ao elenco principal

Divulgação / Corinthians

Depois de mais uma eliminação para o Orlândia e do fim de temporada, o time de futsal do Corinthians passou por uma grande reformulação. Agora, a diretoria começa a ajeitar a casa e, para isso, promoveu três jogadores das categorias de base do Timão para a equipe profissional.

São eles: o ala Leandro Lino, o pivô Rocha e o fixo Douglas. Todos faziam parte do elenco Sub-20 do time do Parque São Jorge e agora vão figurar entre os principais.

O Corinthians perdeu seus principais jogadores para a próxima temporada. Entre eles, os campeões Neto, Simi, Guitta e Elisandro. Todos deixaram o clube e demonstraram insatisfação com a diretoria alvinegra.

Passado o desmanche, a diretoria voltou a trabalhar em reforços. Já contratou o experiente pivô Vander Carioca, um dos melhores jogadores da história do futebol brasileiro. E, além disso, conseguiu acertar a permanência do técnico Fernando Ferretti, importante peça no elenco alvinegro. O ala Pepita também já acertou sua renovação.

Veja Mais:

  • Gustavo Silva, o Mosquito, deixa Corinthians rumo ao Vila Nova

    Empréstimo de corinthiano Mosquito é anunciado por clube da Série B

    ver detalhes
  • Corinthians enfrenta a Chapecoense nesta quarta-feira

    Corinthians 'vira a chave' e busca classificação na Copa do Brasil contra a Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians de Carlos Augusto enfrenta Chapecoense nesta quarta-feira pela Copa do Brasil

    TV Globo transmite Corinthians x Chapecoense para quatro estados pela Copa do Brasil

    ver detalhes
  • Carille não poderá contar com quatro titulares na partida contra a Chapecoense

    Corinthians encerra preparação e libera relacionados sem quatro titulares contra a Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes