Copinha começa hoje, mas tem mudanças nas regras da competição; confira

Copinha começa hoje, mas tem mudanças nas regras da competição; confira

Por Meu Timão

Novo regulamento da Copinha adequa competição ao aumento de participantes

Novo regulamento da Copinha adequa competição ao aumento de participantes

Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Com o recorde de participantes, a Copinha tem início este sábado. Além dos inéditos 112 clubes inscritos na competição, a edição de 2016 apresenta uma série de mudanças no regulamento da competição.

A primeira mudança é em relação ao número de grupos: 28, dois a mais que a edição mais recente. Além disso, ao contrário dos anos anteriores, dois clubes de cada grupo classificam para a fase seguinte.

Em 2015, os primeiros de cada grupo e os seis melhores segundos colocados no ranking geral eram os que seguiam em frente na competição. Daí para frente, o modelo segue na versão conhecida: os grupos se enfrentam em mata-mata na segunda e terceira fase, em jogo único com decisão por pênaltis, se necessário.

Na quarta-fase, a última mudança. Já com 14 times, a competição classifica os sete vencedores e o perdedor de melhor campanha que passam para as quartas de final do torneio. A final acontece no dia 25 de janeiro, no Pacaembu, durante o feriado de aniversário da cidade de São Paulo.

Veja Mais:

  • Jô passou em branco nesta noite de quarta, diante do Grêmio

    Corinthians não cria, apenas empata com Grêmio na Arena, mas mantém vantagem na liderança

    ver detalhes
  • Corinthians de Romero corre risco de ver Santos se aproximar

    Corinthians mantém diferença, mas tem de secar rival nesta quinta; veja classificação atualizada

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi eleito o pior em campo

    Carille e dupla de meias são eleitos vilões de tropeço do Corinthians contra Grêmio

    ver detalhes
  • Kazim discutiu com torcedor do Corinthians durante aquecimento

    Kazim discute com torcedor na Arena Corinthians durante duelo contra Grêmio

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes