Edu Ferreira admite que mudança no formato de eleição é discutida no clube

Edu Ferreira admite que mudança no formato de eleição é discutida no clube

Por Meu Timão

Dirigente corinthiano disse que mudança no formato das eleições é discutida há uns seis anos no clube

Dirigente corinthiano disse que mudança no formato das eleições é discutida há uns seis anos no clube

Foto: Meu Timão

O Corinthians tem mais de 30 milhões de torcedores, mas a quantidade de responsáveis por definirem a diretoria do clube não chega a 0,01% desse número. Edu Ferreira, no entanto, admite que existem conversas para que as eleições contem com mais participantes.

“Se você for pensar no tamanho do Corinthians e de sua torcida, você tem em torno de 3 e 4 mil votantes. É uma coisa para se pensar para o futuro. É uma coisa que a gente vem conversando há uns cinco ou seis anos, em uma forma de mudar a votação”, afirmou Edu ao Sportv, comentando sobre a ideia de incluir os membros do Fiel Torcedor entre os eleitores.

“Não podemos tirar todo o mérito sócio. O sócio vive lá no dia a dia, não importa qual departamento ele frequenta e ajuda, ele tem seu mérito, mas é uma possibilidade pegar o Fiel Torcedor que passa de 120 mil para fazer parte desse colégio eleitoral em uma eleição, isso vem sendo discutido”, completou.

Na eleição que definiu Roberto de Andrade como presidente do Corinthians até 2018 foram contabilizados 3.254 votos.

Edu Ferreira, que é sócio desde 1993, fez parte da oposição de Alberto Dualib e passou a se envolver mais na diretoria na época do mandato de Andrés Sanchez. Diretor adjunto há menos de um ano, o dirigente disse que, apesar de cansativo, o cargo é prazeroso.

“É uma pressão e um desgaste violento, mas vou dizer que é prazeroso. Faz parte quando tem esses momentos negativos para crescer e sempre busca o melhor paro seu clube porque você está representando 30 milhões”, concluiu.

Veja Mais:

  • Jô marcou o gol da vitória do Corinthians

    Artilheiro Jô marca no fim, e Corinthians supera Chapecoense na Arena Condá

    ver detalhes
  • Jô assegurou vitória do Corinthians em Chapecó

    Líder absoluto, Corinthians abre dez pontos de diferença para segundo colocado

    ver detalhes
  • Léo Santos jogou no lugar de Balbuena, que está suspenso e machucado

    Prata da casa supera até Jô e é eleito craque da vitória do Corinthians sobre Chapecoense

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel foi titular nesta quarta, mas não agradou a Fiel

    Após vitória do Corinthians, Fiel corneta Marquinhos Gabriel e indica preferência por Clayson

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes