Ligado a Garcia, Arana pode ser vendido no meio do ano

Ligado a Garcia, Arana pode ser vendido no meio do ano

Por Meu Timão

Guilherme Arana pode seguir os passos de Malcom e deixar o Corinthians cedo

Guilherme Arana pode seguir os passos de Malcom e deixar o Corinthians cedo

Foto: Agência Corinthians

Após a saída de Malcom, o Corinthians pode perder mais uma revelação de suas categorias de base ainda este ano. De acordo com reportagem do Uol, Guilherme Arana também pode ser vendido para o futebol europeu na janela de transferências do meio do ano.

Segundo a publicação, o período do empréstimo de Moisés pode indicar a intenção do Corinthians em vender o jovem jogador. Moisés foi emprestado ao Bahia. Inicialmente, o clube baiano queria firmar vínculo até o final do ano, porém a diretoria do Timão definiu que seu retorno será em maio, já pensando na reposição do elenco em caso de uma possível transferência.

Arana é agenciado por Fernando Garcia, o mesmo empresário de Malcom. Atualmente, Garcia é dono de 30% dos direitos do jogador, enquanto o Corinthians tem 40% e os outros 30% estão divididos entre Thiago Ferro, com 10%, e a empresa GT Sports, com 20%.

De acordo com a reportagem, a intenção da equipe que cuida dos negócios de Arana era de acertar uma transferência ainda neste início de ano, o que aumentaria ainda mais a lista de perdas do Alvinegro.

Apesar de não ser um dos titulares, como seis dos jogadores que saíram, o lateral esquerdo é bastante elogiado por Tite e vem ganhando oportunidades no time titular. O jogador, inclusive, jogou os 90 minutos na vitória do Corinthians sobre o São Paulo, por 2 a 0, no último domingo. Atualmente, Arana está avaliado em 5 milhões de euros, o que corresponde a cerca de R$ 22 milhões.

Saída de Malcom causou polêmica - A saída de Malcom causou polêmica no início deste ano. Após ser concretizada a transferência do atacante para o Bordeaux, da França, Fernando Garcia foi apontado como o principal responsável pela negociação e foi muito criticado pela torcida corinthiana.

Inclusive, Tite também fez questão de mostrar sua indignação com a saída precoce do jogador de 18 anos e criticou abertamente o “interesse financeiro” de empresários. Pouco tempo depois, no entanto, o presidente Roberto de Andrade poupou Garcia e disse que a vontade de sair partiu de Malcom.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Craque do futsal do Corinthians, Leandro Lino deve jogar pelo Sorocaba em 2017

    Quatro campeões do Corinthians recebem proposta do Sorocaba e devem 'virar casaca' em 2017

    ver detalhes
  • Pelada registrada no Amapá, onde Caio presenciou o tradicional 'futilama'

    Do Amapá à Antártida: torcedor do Corinthians, fotógrafo percorre o mundo em busca de peladas

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes