Estreando em jogo oficial, Matheus lamenta 'infelicidade' em gol sofrido

Estreando em jogo oficial, Matheus lamenta 'infelicidade' em gol sofrido

Por Meu Timão

Vidotto aprovou sua estreia e revelou ter tirado um peso das costas

Vidotto aprovou sua estreia e revelou ter tirado um peso das costas

Foto: Reprodução

Há quatro anos no time principal do Corinthians, Matheus Vidotto fez sua estreia em um jogo oficial nesta quarta-feira, no empate por 1 a 1 contra o São Caetano. No jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Paulista, o goleiro teve a difícil tarefa de substituir Cássio, que nesta terça-feira teve constatado um edema na coxa. Walter, segunda opção para a posição, voltou de lesão também nesta semana e ficou no banco.

Feliz com seu desempenho, Matheus confirmou que tira um “peso das costas” após tanto tempo esperando a oportunidade.

“É, hoje não foi amistoso. A gente podia ter saído com a vitória, mas estou feliz com a minha contribuição. Estreia a gente nunca sabe como vai ser. Eu não jogava um jogo oficial há muito tempo, então é um peso que tira das costas. Mas a gente trabalha justamente para isso, para quando tiver que fazer essa estreia, tiver que jogar, a gente estar preparado para contribuir”, disse o jogador, que também comentou sobre o lance do gol.

“Eu já tava fazendo o movimento pro outro lado, foi uma infelicidade, mas acontece”, completou. No lance, o goleiro foi surpreendido e viu a bola ir no seu contrapé após o chute de Rossi desviar em Guilherme Arana.

O garoto de 22 anos acumulava 70 minutos em campo pelo Timão, somado pelo tempo que jogou em dois amistosos: 25 minutos contra o ABC-RN, em julho do ano passado, e 45 minutos contra o Fort Lauderdale Strikers, na pré-temporada deste ano.

Em 2015, quando já integrava o elenco há três anos, o goleiro renovou seu contrato com o clube e estendeu seu vínculo até dezembro de 2018.

O atleta foi promovido ao time principal em 2012, na segunda passagem de Tite pelo Timão, após ter conquistado o título da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Mesmo que tenha se destacado pelo bom desempenho no torneio, ele ficou marcado por um outro episódio: acabou ficando sem a medalha de campeão, embolsada por José Maria Marin.

Matheus Vidotto foi convocado por Felipão para o amistoso da Seleção Brasileiro contra a Bolívia, em 2013, quando era o 4º goleiro do Timão. Na época, a convocação surpreendeu até o próprio jogador, que foi escolhido junto com outro três jovens atletas para compor uma seleção junto com Paulinho, Alexandre Pato, Ronaldinho e Neymar. O jogador, no entanto, não entrou em campo e quem assumiu a vaga foi Jeferson.

Veja Mais:

  • Carille comandou o treino do Corinthians deste sábado, no CT Joaquim Grava

    Pablo treina, e Carille define escalação do Corinthians contra o Atlético-GO

    ver detalhes
  • Clayson foi relacionado pela primeira vez no Corinthians

    Com estreia de Clayson e Pablo, Corinthians relaciona 22 contra Atlético-GO

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes