Gerente da Arena Corinthians explica por que setor Oeste não tem preço reduzido

42 mil visualizações 118 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Torcida corinthiana é responsável pela maior média de público em jogos de futebol no Brasil

Torcida corinthiana é responsável pela maior média de público em jogos de futebol no Brasil

Meu Timão/Mayara Munhoz

Dono da maior média de público nos estádios do Brasil em 2016, o Corinthians pretende aumentar consideravelmente os números da Arena nos próximos dois anos. O planejamento do clube é impulsionar o Fiel Torcedor, programa de fidelização do Timão, e oferecer um serviço de maior qualidade na compra de ingressos. É o que afirma Lúcio Blanco, homem-forte por trás do estádio em Itaquera.

“A meta do sócio-torcedor é uma coisa que sempre me perguntam. Nosso grande objetivo com esse programa, na verdade, é atender bem o cliente. Se gente procurar atender bem com mais associados, ótimo, mas a gente não fica mirando só associados não. A gente preza bom atendimento, esse é o objetivo principal”, disse Blanco, gerente de operações da Arena Corinthians, em entrevista à rádio Jovem Pan.

Na atual temporada, a Arena recebeu exatos 32.699 pagantes por partida (maior média entre todos os times das Séries A, B e C do Campeonato Brasileiro). Ainda assim, é possível notar centenas de lugares vazios nos setores Oeste Inferior e Superior do estádio devido ao preço dos assentos. Para Blanco, reduzir o preço dos bilhetes não é a melhor saída.

“Aquele prédio Oeste tem um conceito diferente, um conceito que foi criado na época da construção do estádio. Ele tem um plano de marketing comercial voltado pra aquele setor e, na ocasião, foi assumido alguns compromissos onde você tem ali um valor mínimo de cadeira, que as vendas fossem pra toda uma temporada pra todo aquele prédio”, explicou.

“Obviamente, como está acontecendo em todos os segmentos, não está se concretizando aquilo que foi colocado no papel há quatro, cinco anos atrás. Hoje pra gente poder aplicar uma mudança neste conceito demanda de ajuste, de alinhamento junto com todos os entes envolvidos na construção da Arena e na gestão financeira. Não é uma coisa simples apenas baixar ingresso do setor pra que eu venda mais, não é assim que a conta funciona”, acrescentou o gerente.

No último sábado, no confronto entre Timão e Ituano, pelo Campeonato Paulista, a Arena Corinthians registrou uma marca expressiva dentro do futebol brasileiro. Inaugurado há menos de dois anos, o estádio ultrapassou os 2 milhões de torcedores pagantes. Não o bastante, a efeito de comparação, o “sonho corinthiano” faturou R$ 12,9 milhões em 2016, enquanto o Palmeiras embolsou pouco mais de R$ 10 milhões no mesmo período.

“Mas existe um dado que é importante: se fizerem uma linha do tempo de 2000 a 2007, a média de público do Corinthians era de cerca de 14 mil pessoas com preço abaixo dos R$ 20. É notório que o torcedor, obvio, ele quer ver o time bem, todo o apelo, aquele sentimento do corinthiano, corinthiano vai pro estádio encontrar o amigo, ali é uma comunidade. Mas também existe o torcedor que está voltando pro estádio porque ele quer um serviço diferenciado, um atendimento. Eu costumo dizer que tem lugar pra todo mundo na nossa casa. O que nós estamos fazendo ainda é aprendendo com isso e identificando o que é melhor pra cada público”, finalizou.

Veja Mais:

  • Corinthians se manteve entre os cinco primeiros do Brasileiro

    Corinthians conta com virada nos acréscimos e fica entre os cinco melhores no BR-19; veja tabela

    ver detalhes
  • Levantamento de bandeirões no Setor Norte foi um dos motivos da multa pesada por parte da Conmebol

    Corinthians recebe multa pesada da Conmebol por três motivos diferentes; entenda

    ver detalhes
  • Felipe Vezaro foi o grande nome do Corinthians na partida desta segunda-feira

    Corinthians conta com Vezaro em noite espetacular e bate Bauru na primeira vitória no NBB

    ver detalhes
  • Neto comentou sobre faltas de Sornoza, erro de Marllon, fase de Urso e muito mais

    Neto critica Marllon, ironiza Sornoza batedor de falta e cobra até 'pata de Urso' na TV

    ver detalhes
  • Duelos contra o Santos mostram queda da confiança da torcida em Carille

    Linha do tempo: clássicos contra o Santos evidenciam queda do Corinthians de Carille na temporada

    ver detalhes
  • Corinthians vive momento ruim, mas segue com boas chances de ir ao principal torneio do continente

    Mesmo em mau momento, Corinthians segue com boas chances de ir para a Libertadores

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: