Corinthians se une a rivais para reivindicar aumento de premiações da Copa do Brasil

Corinthians se une a rivais para reivindicar aumento de premiações da Copa do Brasil

Por Meu Timão

Tricampeão, Timão venceu a Copa do Brasil pela última vez em 2009

Tricampeão, Timão venceu a Copa do Brasil pela última vez em 2009

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

O Corinthians está disposto a se unir a rivais em troca da valorização da Copa do Brasil. Nesta terça-feira, o presidente do clube alvinegro, Roberto de Andrade, encontrou outros dirigentes de outras equipes brasileiras para discutir o aumento das premiações da segunda maior competição do país. A informação é do GloboEsporte.com.

A reunião ocorreu em São Paulo e contou com a participação dos presidentes Paulo Nobre, do Palmeiras, Carlos Augusto de Barros e Silva, do São Paulo e Daniel Nepomuceno, do Atlético-MG, além de Andrade. De acordo com a publicação, os mandatários entendem que as atuais cotas de participação estão distantes ao valor arrecadado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) com contratos de patrocínio e exploração das marcas.

A tendência é de que novos encontros ocorram nos próximos dias, já com o apoio de novos clubes da Série A do Campeonato Brasileiro. “Precisamos ter uma participação maior nos valores que a competição arrecada. Estamos nos organizando e vamos levar isso até a CBF”, prometeu um dos dirigentes, em entrevista ao portal.

Em 2015, o Palmeiras embolsou em torno de R$ 8 milhões com a conquista do certame. Para efeito de comparação, o Atlético-MG, que venceu o torneio na temporada 2014, arrecadou aproximadamente R$ 6 milhões.

Atualmente, a entidade máxima do futebol brasileiro é presidida por Marco Polo Del Nero, um dos suspeitos no escândalo de corrupção na Federação Internacional de Futebol (Fifa). O mandatário, aliás, reassumiu o comando da CBF há cerca de duas semanas depois de quatro meses de licença, requerida por “motivos de ordem pessoal”.

Tricampeão (1995, 2002 e 2009), o Corinthians estreia na Copa do Brasil somente nas oitavas de final. O adversário do Timão, bem como as datas e os horários, será definido em sorteio após o fim da terceira fase. No ano passado, a equipe alvinegra deu adeus à disputa justamente nas oitavas, diante do Santos.

Veja Mais:

  • Recuperado de lesão, Balbuena volta a compor zaga com Pablo; dupla terá de parar melhor ataque do Paulista

    Defesa x ataque: Corinthians e São Paulo buscam vitória e equilíbrio em clássico no Morumbi

    ver detalhes
  • Auricchio (à dir.) passou a integrar diretoria da base do Corinthians

    Corinthians nomeia ex-diretor de futebol para cargo na base

    ver detalhes
  • Após 1 a 1 na Arena, Timão volta a campo contra São Paulo na tarde deste domingo

    Rival tropeça, e Corinthians pode diminuir distância para primeira colocação geral

    ver detalhes
  • Carille não confirmou a equipe titular que enfrenta o São Paulo

    Rodriguinho não treina e Balbuena volta: veja provável escalação do Corinthians para o Majestoso

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes