Para melhor espetáculo, treinador vai à Fifa pedir redução do número de jogadores no futebol

Para melhor espetáculo, treinador vai à Fifa pedir redução do número de jogadores no futebol

Por Meu Timão

Técnico argentino comandou o México em 2006

Técnico argentino comandou o México em 2006

Foto: DamoneMX de es/Wikimedia Commons

O futebol pode em breve passar por uma mudança bastante significativa para Corinthians e demais clubes do Brasil e do mundo: a redução do número de jogadores em campo. Ao menos é o que sugere o técnico argentino Ricardo La Volpe.

Em entrevista ao jornal Olé, o treinador do Chiapas, do México, prometeu enviar à Fifa uma carta com sugestão de diminuir para dez o número de jogadores por equipe nos jogos de futebol (um no gol e nove na linha). Na opinião do técnico, o desempenho físico dos atletas de alto rendimento melhorou, diminuindo os espaços em campo e atrapalhando o espetáculo.

"Os sistemas de jogo mudam. O 4-3-3 dos anos 80 não tem nada a ver com o atual. Os pontas voltavam no máximo até a metade do campo e hoje eles correm todo o campo. O físico superou o técnico. A diferença principal é que hoje tem que fazer o mesmo que se fazia antes em menos tempo. Tem que existir mais espaços. Por isso vou mandar uma carta para a Fifa pedindo que se jogue com 10", comentou.

Ricardo La Volpe comandou o México na Copa do Mundo de 2006 e foi campeão da Copa de 1978 pela Argentina como goleiro. Atualmente, El Bigotón (apelido referente ao seu bigode) tem 64 anos de idade.

"Por que não posso (sugerir)? Joguei e treinei em Mundiais, fui campeão, estudei o futebol. Não podemos aumentar os campos por causa de custos. O mesmo em relação às traves. Então deixemos como está e vamos tirar um jogador. Esta mudança não permitirá que as equipes se fechem em campo e assim recuperamos o espetáculo", disse.

Vale lembrar que o técnico Tite, após passar boa parte do ano de 2014 na Europa estudando futebol, adotou o esquema 4-1-4-1 no Corinthians. No ano passado, foi bem sucedido e conseguiu venceu o Brasileirão. Na atual temporada, recebe críticas da torcida e da imprensa por manter o sistema tático apesar de o elenco ter passado por intensas mudanças.

Veja Mais:

  • Centroavante Jô, 'Rei dos Clássicos', voltou a deixar o dele neste domingo

    Corinthians despacha São Paulo e vai à final do Paulistão contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Jô foi eleito o melhor em campo no clássico deste domingo

    Jô, Pablo e Jadson brigam pela melhor avaliação nas notas da torcida

    ver detalhes
  • Sem ser relacionado há seis partidas no Timão, Guilherme tem acerto encaminhado com o Atlético-PR

    Presidente confirma: Corinthians encaminha empréstimo do meia Guilherme

    ver detalhes
  • Carille tem oito titulares pendurados para primeira final contra a Ponte

    Oito dos dez titulares de linha do Corinthians entram pendurados na decisão do Paulista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes