Insatisfeita, Procuradoria pede novo julgamento por doping de Yago

Insatisfeita, Procuradoria pede novo julgamento por doping de Yago

Por Meu Timão

Yago deve ser escalado por Tite no clássico deste domingo

Yago deve ser escalado por Tite no clássico deste domingo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians pode ainda sofrer com o caso de doping do zagueiro Yago. Isso porque a Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva irá recorrer e portanto pedir novo julgamento.

De acordo com o Globoesporte.com, o órgão ficou insatisfeito com a punição de 30 dias de suspensão anunciada na última segunda-feira. O médico Joaquim Grava é quem deverá ser julgado em segunda instância pelo Tribunal Pleno do TJD-SP (Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo).

O entendimento da Procuradoria é de que ele deve receber alguma punição por ser o responsável pelo tratamento do jogador. Grava testemunhou em defesa na primeira sessão de julgamento.

Vale lembrar que Yago não deve ser julgado novamente. O zagueiro está liberado para defender o Corinthians no clássico contra o Palmeiras, no próximo domingo. A suspensão de 30 dias do beque já foi cumprida (ele perdeu as seis primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro).

O caso - Titular do Timão em 2016, Yago testou positivo no exame antidoping do clássico contra o Santos, dia 6 de março, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Paulista. Segundo o departamento médico do clube, o camisa 3 não teve intenções de usufruir dos efeitos da betametasona, anti-inflamatório capaz de amenizar dores nos joelhos.

Veja Mais:

  • Cássio fez discurso emocionante no vestiário do Morumbi

    Preleção do Corinthians no Morumbi teve discurso épico de Cássio: 'F...-se! Problema do São Paulo!'

    ver detalhes
  • Gabriel irá falar em julgamento no Rio de Janeiro

    Advogado do Corinthians já fala sobre estratégia da defesa em julgamento de Gabriel

    ver detalhes
  • Líder do Brasileirão, Corinthians empatou com o São Paulo por 1 a 1 neste domingo

    Com tropeço do Grêmio, Corinthians vê rivais se aproximarem na tabela; veja classificação

    ver detalhes
  • Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes