Projeto que libera cassinos é visto como 'positivo' pelo Corinthians

Projeto que libera cassinos é visto como 'positivo' pelo Corinthians

Por Meu Timão

Com aval do clube, Arena Corinthians poderá receber cassino caso projeto de lei seja aprovado

Com aval do clube, Arena Corinthians poderá receber cassino caso projeto de lei seja aprovado

Foto: Meu Timão

Um projeto de lei da Câmara dos Deputados colocado em votação a partir desta quarta-feira, poderá influenciar diretamente na receita da Arena Corinthians nos próximos anos. Principal responsável pela proposta, a Comissão Especial do Marco Regulatório dos Jogos apresenta o projeto que prevê a legalização dos jogos de azar no país, inclusive em arenas esportivas, como a de Itaquera.

Antes mesmo do início do processo de aprovação da medida, a ideia já possui aval corinthiano, quem garante é o diretor financeiro do clube, Emerson Piovesan. "Hoje temos uma arena que tem uma boa diversificação de uso extracampo. Já recebe eventos e gera receita com eles. Mas, ao mesmo tempo, acredito que tudo que possa trazer mais recursos é interessante", disse à ESPN.

Inicialmente, a proposta seria voltada às modernas arenas construídas para a Copa do Mundo e que não recebem renda de jogos semanalmente. Ou seja, o lucro arrecadado com cassinos, teria influência nos custos de manutenção da Arena Amazônia, Arena Pantanal e Arena das Dunas, que raramente são palcos de partidas.

Para o cartola corinthiano, o projeto serviria para um complemento do lucro na Arena Corinthians, que vem se mantendo sustentável a partir da renda arrecadada das bilheterias. Segundo o diretor financeiro, o estádio também possui estrutura suficiente para receber eventos, o que contribuiria para o sucesso da proposta.

"Temos receitas complementares, alugando espaços dentro do estádio para eventos corporativos e empresariais, o que nos ajuda. Por isso vemos a opção dos bingos, se for algo legal e lícito, como algo positivo", completou Emerson.

Caso seja aprovado na Câmara dos Deputados, o projeto de lei será encaminhado às demais avaliações presentes na Constituição Federal até chegar ao gabinete da presidência, para então, ter uma autorização oficial.

Veja Mais:

  • Clayton assinou contrato na manhã desta segunda-feira

    Corinthians anuncia Clayton como novo reforço

    ver detalhes
  • Rodriguinho, Romero e Jô comemorando gol no clássico contra o Palmeiras

    Corinthians é o unico sem derrota em clássicos na primeira fase do Paulistão

    ver detalhes
  • Jô é mais uma vez decisivo para o Timão nos clássicos do Paulista

    'Rei dos clássicos', Jô é decisivo em empate do Corinthians contra o São Paulo

    ver detalhes
  • Corinthians deve enfrentar o Botafogo-SP nas quartas de final

    Conheça o provável adversário do Corinthians nas quartas de final do Paulistão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes