Técnico faz mistério, mas Flamengo deve repetir escalação contra Corinthians

Técnico faz mistério, mas Flamengo deve repetir escalação contra Corinthians

Por Meu Timão

Guerrero volta a encontrar torcida do Corinthians

Guerrero volta a encontrar torcida do Corinthians

Foto: Divulgação

Adversário do Corinthians na tarde deste domingo, a partir das 16h, na Arena, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo faz mistério sobre a escalação. O técnico Zé Ricardo, que se firmou no comando da equipe carioca nas últimas semanas, não confirmou o time que levará a campo em Itaquera.

Os treinamentos feitos pelo treinador ao longo da semana, no entanto, indicam que a escalação do Flamengo para encarar o Corinthians será a mesma que venceu o Internacional na última quarta-feira. Destaque para o ataque formado por Marcelo Cirino, ex-alvo do Timão, e Guerrero, ex-jogador da equipe alvinegra.

Assim, o Flamengo deve ser escalado com a seguinte formação: Alex Muralha, Rodinei, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão, Alan Patrick e Ederson; Marcelo Cirino e Guerrero.

Chama atenção da imprensa carioca a ausência de Mancuello. O meia argentino vem tendo poucas oportunidades com Zé Ricardo, apesar de ser uma espécie de xodó da torcida. A tendência é o jogador não viajar com a delegação rubro-negra para São Paulo.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes