Pedro Henrique faz desabafo emocionante e revela mensagem de Chicão

Pedro Henrique faz desabafo emocionante e revela mensagem de Chicão

Por Meu Timão

Pedro Henrique se tornou titular do Corinthians com apenas 20 anos

Pedro Henrique se tornou titular do Corinthians com apenas 20 anos

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O zagueiro Pedro Henrique, de apenas 20 anos, vive semanas se altas emoções recentemente. Após assumir a titularidade do Corinthians como quebra-galho e sofrer com uma falha grava na derrota por 2 a 1 para o Atlético-MG, ele hoje deixou Yago e Vilson para trás e é o principal beque de Cristóvão ao lado do paraguaio Balbuena. Chegar até aqui, definitivamente, não foi fácil.

Em entrevista concedida ao jornal Lance! e publicada nesta sexta-feira, Pedro Henrique desabafou sobre o início de sua carreira. Natural de Imbituba, em Santa Catarina, ele sofreu com a desconfiança de familiares e amigos. Ele, que chorou após o erro cometido diante do Atlético-MG, tinha quando mais novo justamente o apelido de chorão.

"No começo ninguém acreditava em mim. O pessoal me chamava muito de chorão na minha cidade, porque eu chorava de saudade da minha mãe, da minha família, e todo mundo ria. Só quem era da minha família é que acreditava em mim", contou.

"Mas aí tive um técnico no Imbituba que chegou para mim e disse: você tem potencial, vai estourar, tu vai dar certo no futebol. Desde ali eu me dediquei mais e mais", acrescentou.

E nem só a ajuda do ex-treinador do Imbituba Futebol Clube que o fez chegar à titularidade do Corinthians. Recentemente, uma mensagem de um ídolo do Timão chegou ao ouvido de Pedro Henrique.

Em meio à repercussão do erro cometido contra o Atlético-MG, Chicão, zagueiro do Timão de 2008 a 2013, enviou uma mensagem motivacional ao jovem por meio de Alessandro. Hoje gerente de futebol do clube, ele repassou as palavras para o beque.

"Recebi mensagem de todo mundo, minha família, do Gil, mas o que mais me marcou foi o Chicão, que me mandou uma mensagem pelo Alessandro, uma mensagem bonita, de apoio, para eu não desanimar, porque o futebol era assim mesmo. O que mais me marcou foi aquela mensagem", lembrou.

Veja Mais:

  • Com Balbuena e Pablo na defesa, Timão tenta derrotar arquirrival dentro de seus domínios

    Corinthians volta à Arena em primeiro teste de Carille contra Palmeiras

    ver detalhes
  • Fiel apoiou Timão no treino pré-Dérbi em Itaquera

    Fiel provoca rival na Arena: 'Você não vive sem a Série B'; assista

    ver detalhes
  • Bandeiras de mastro na Arena Corinthians

    'O melhor treino para o maior clássico do mundo', por Bruno Teixeira Rolo

    ver detalhes
  • Carille terá onze suplentes à disposição no clássico

    Jadson fica fora do Dérbi; veja lista de relacionados do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes