Cristóvão Borges analisa empate e aponta principal erro do Corinthians no clássico

Cristóvão Borges analisa empate e aponta principal erro do Corinthians no clássico

Por Meu Timão

Treinador lamentou os inúmeros erros de passe ao longo do clássico

Treinador lamentou os inúmeros erros de passe ao longo do clássico

Foto: Agência Corinthians

Ao final do clássico Majestoso entre Corinthians e São Paulo neste domingo, que terminou empatado em 1 a 1, Cristóvão Borges analisou as principais jogadas do duelo e apontou as falhas que contribuíram para o resultado. Na visão do treinador corinthiano, os inúmeros erros de passe cometidos pela equipe foram determinantes para que o Timão tivesse dificuldades de criação.

“Logicamente que o interessante é ganhar, como vínhamos fazendo. Se tratando de clássico, existe equilíbrio, e será assim em todos os clássicos estaduais. Foi um jogo de altos e baixos do começo ao fim. O São Paulo esperando a gente, jogando no nosso erro, e nós erramos algumas vezes. Isso facilitou o jogo deles de uma transição ofensiva muito boa”, comentou.

Questionado a respeito da principal fragilidade apontada pelo Corinthians ao longo dos 90 minutos, Cristóvão Borges não teve dúvidas e apontou o desperdício dos passes como o principal atributo que a equipe deixou a desejar ao longo do clássico.

“Erros de passes. Nós estávamos errando na construção e o ultimo passe também. Eram muitos erros, o São Paulo nos esperou pra jogar no nosso erro. Com jogadores leves e rápidos, por isso o jogo encaixou pra eles. Em função dos nossos erros. Nesse jogo, com toda a certeza, em termos de construção de jogadas, deve ter sido o maior em relação a todos os jogos”, acrescentou o Cristóvão.

Sobre a superioridade são-paulina na segunda etapa, como evidenciada pelo próprio comandante corinthiano, Cristóvão Borges falou sobre o domínio adversário, mas ressaltou uma maior efetividade do Timão em relação às oportunidades claras de gol.

“O São Paulo jogou melhor o segundo tempo. Mas mesmo assim as oportunidades mais claras decisivas foram nossas, uma no primeiro e outra no segundo tempo, o Denis fez uma linda defesa. As jogadas decisivas foram nossas”, finalizou o técnico corinthiano.

Agora somando 29 pontos depois do resultado, o Corinthians segue na vice-liderança do Campeonato Brasileiro. O Timão volta a campo no próximo sábado, quando enfrenta o Figueirense, às 16h, na também na Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Desfalque diante do Vitória, Pablo está recuperado e deve viajar a Goiânia

    Treino do Corinthians tem rachão com 'morte súbita', 'desafio' a Clayson e disputa de pênaltis

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Para presidente corinthiano, aporte da Crefisa no Palmeiras é 'ponto fora da curva'

    'Desleal', diz Roberto de Andrade sobre apoio da Crefisa ao arquirrival do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes