À vontade com Cristóvão, Marquinhos não vê Timão previsível e crava crescimento

À vontade com Cristóvão, Marquinhos não vê Timão previsível e crava crescimento

Marquinhos concedeu entrevista coletiva após o treino desta quarta-feira

Marquinhos concedeu entrevista coletiva após o treino desta quarta-feira

Foto: Vinícius Souza/Meu Timão

A sequência de dois empates consecutivos, contra São Paulo e Figueirense, faz o Corinthians ser visto por parte da Fiel como “previsível”. Para Marquinhos Gabriel, titular sob o comando do técnico Cristóvão Borges, a equipe alvinegra tem futebol para superar as críticas e brigar de igual para igual com os rivais pela liderança da Série A.

“Acho que não (é previsível). Temos variações táticas, tanto é que no decorrer do jogo (contra o Figueirense) foram colocados dois atacantes, dois meias abertos e conseguimos chegar ao gol. Acho que a equipe vai crescer muito ainda com essas variações táticas”, afirmou Marquinhos Gabriel.

Um dos principais jogadores ofensivos do Timão, Marquinhos tem atuado pelo lado esquerdo do ataque. Questionado sobre onde prefere jogar, já que, com Tite, desempenhava a mesma função na ala oposta, o camisa 31 é sincero. “Me sinto confortável dos dois lados. Logo quando eu cheguei o Tite me colocou no lado direito, e o Cristóvão me colocou no lado esquerdo. Me sinto bem nas duas posições”.

Embora esteja na vice-liderança do Brasileirão, o atual campeão nacional parece não convencer, e os dois tropeços dentro de seus domínios fazem o elenco perder a confiança. Ciente das dificuldades colocadas no caminho alvinegro, Marquinhos deu a receita para o time ascender na competição.

“Vencendo. Vencendo, a confiança de todo mundo volta. Temos trabalhado pra vencer os jogos, temos margem pra crescimento ainda. Vamos crescer durante a competição ainda e, se Deus quiser, vamos brigar pelo campeonato”, finalizou.

Veja Mais:

  • Romarinho não esconde a relação de carinho que ainda mantém com o Corinthians

    Com veto a rival, Romarinho admite saudade do Brasil e fala em retorno 'em dois anos' ao Corinthians

    ver detalhes
  • Juninho Capixaba foi um dos destaques do Bahia na temporada.

    Corinthians rejeita ceder três jogadores pedidos pelo Bahia em negociação por lateral

    ver detalhes
  • Romero foi imprescindível ao Corinthians na conquista do Paulistão e do Brasileiro em 2017

    Luan volta a exaltar Romero e relaciona venda de Arana ao paraguaio: 'Pode colocar na conta dele'

    ver detalhes
  • Dupla 'Renadson' brilhou no Corinthians no Brasileirão de 2015

    Renato Augusto rasga elogios a Jadson e faz projeção sobre futuro do camisa 10 no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes