Jogadores do Flamengo negam clima de revanche por goleada aplicada pelo Corinthians

Jogadores do Flamengo negam clima de revanche por goleada aplicada pelo Corinthians

Por Meu Timão

Corinthians atropelou Flamengo no primeiro turno

Corinthians atropelou Flamengo no primeiro turno

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Corinthians e Flamengo voltam a se enfrentar, neste domingo, pela primeira vez desde a goleada de 4 a 0 do Timão para cima dos cariocas no último dia 3 de julho. A partida, que será disputada no Maracanã, a partir das 17h, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, não tem ares de revanche, contudo. Ao menos é o que garantem os jogadores rubro-negros.

Em entrevista concedida no centro de treinamento do Flamengo, o goleiro Muralha lembrou a goleada sofrida para o Corinthians e definiu aquele placar como "exagerado". Na ocasião, dois gols de Ángel Romero e outros dois de Rildo sacramentaram a vitória alvinegra.

"Vai ser um jogo muito equilibrado pelas características das duas equipes. Não acredito que a gente vá ter um resultado como o do primeiro turno, que também acabou sendo exagerado pelo que apresentamos em campo. O nosso pensamento é o de ganhar o jogo e para isso estamos olhando para frente e deixando o passado para trás. Não estamos preocupados em vingança e sim em fazer bem o nosso papel no domingo", disse o goleiro flamenguista.

Quem também se pronunciou sobre o assunto foi o zagueiro Rafael Vaz. Na opinião do defensor rubro-negro, que deve ser titular neste domingo diante do Timão, ambas as equipes sofreram modificações nos últimos meses e, assim, não há parâmetro para o duelo deste fim de semana. Para efeito de comparação, o Corinthians na época era comandado por Cristóvão Borges. Depois disso, Fábio Carille assumiu. Agora, Oswaldo de Oliveira é o técnico.

"O que aconteceu no primeiro turno ficou para trás, pois de lá para cá muita coisa mudou, o nosso time está amadurecido, o Corinthians também sofreu modificações e a história ficou para trás. O importante é pesarmos no que está por vir e não no que já aconteceu. Temos três pontos que precisamos conquistar no domingo e um adversário de qualidade. Isso já é coisa bastante para a gente se concentrar", declarou o zagueiro adversário.

Veja Mais:

  • Balbuena subiu mais alto do que todo mundo para marcar o gol do Corinthians

    Balbuena faz golaço de cabeça, e líder Corinthians vence Fluminense pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Waldir defendeu o Corinthians entre 1986 e 1988

    Aos 66 anos, morre Waldir Peres, ex-goleiro do Corinthians; clube lamenta em rede social

    ver detalhes
  • Técnico da Seleção Brasileira observa possíveis selecionáveis

    Com Cássio na mira, Tite marca presença no Maracanã para jogo entre Corinthians e Fluminense

    ver detalhes
  • Neste sábado, Fazendinha completa 89 anos de muita história

    Fazendinha completa 89 anos; veja fotos incríveis da antiga casa do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes