Sócios do Corinthians confirmam fim do Chapão e outras mudanças no estatuto

Sócios do Corinthians confirmam fim do Chapão e outras mudanças no estatuto

Assembleia aprovou 12 alterações no estatuto do clube

Assembleia aprovou 12 alterações no estatuto do clube

Foto: Divulgação

Mediante realização da Assembleia Geral Extraordinária, conselheiros e associados do Corinthians definiram as novas alterações. A reunião que aconteceu na tarde deste sábado, na sede do clube, no Parque São Jorge, confirmou 12 mudanças no estatuto do Corinthians. A principal delas foi o fim do chapão, formato anteriormente para escolha dos conselheiros e presidente do clube, em uma chapa única.

Com a mudança, chega ao fim o sistema que que previa a união de 200 conselheiros ao lado de mais 50 suplentes, escolhidos como responsáveis pela gestão junto ao presidente eleito. As novas eleições agora passam a ser compostas pelas "chapinhas", formadas por 25 conselheiros cada, que juntas irão compor a diretoria.

Sendo assim, com a participação dos associados, as oito melhores votadas tomam posse dos 200 cargos. Além das oito chapas eleitas, as próximas duas melhores colocadas (em nono e décimo lugar), passam a ser suplentes. Além da alteração no chapão, outras normas, anteriormente aprovadas pelo Conselho Deliberativo realizado em agosto, foram adicionadas ao estatuto.

A reunião contou com a presença de 966 votantes - 902 deles concordaram com as propostas, 59 foram contra, além de quatro votos nulos e um em branco. Aprovadas pela maioria, algumas mudanças passam a ser colocadas em prática imediatamente, já as demais, complementam o estatuto a partir das novas eleições presidenciais, em fevereiro de 2018.

Além do fim do chapão, passam a valer mudanças como a Lei da Ficha-Limpa, que barra um conselheiro condenado na justiça a se candidatar para qualquer cargo dentro do clube durante o prazo de oito anos, ou dez anos para dirigentes afastados por irregularidades.

Outro destaque fica por conta da alteração no período da eleição. Antes programada para fevereiro, a nova data prevê a realização no mês de novembro. Entretanto, a norma será colocada em prática somente em 2021, tendo em vista que em 2018 o molde antigo permanece.

Veja Mais:

  • 'Herói' do Dérbi, Jô deve voltar a ganhar chance como titular diante do Mirassol. Tá querendo!

    Embalado pós-clássico, Corinthians coloca confiança à prova contra sensação do Paulistão

    ver detalhes
  • Gabriel se diz bastante feliz no Corinthians

    Gabriel justifica provocação a ex-clube: 'Faço o que for preciso para defender o Corinthians'

    ver detalhes
  • Corinthians volta a brincar sobre confusão do Dérbi e promete novidade no uniforme

    Corinthians volta a brincar sobre confusão do Dérbi e promete novidade no uniforme

    ver detalhes
  • Furlan apita sexta partida do Corinthians na carreira

    Após polêmica no Dérbi, FPF define trio de arbitragem para próximo jogo do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes