Torcida do Corinthians entra em confronto com policiais nas arquibancadas do Maracanã

Torcida do Corinthians entra em confronto com policiais nas arquibancadas do Maracanã

Por Meu Timão

2.5 mil visualizações 77 comentários Comunicar erro

Torcedores do Corinthians entraram em confronto com a polícia

Torcedores do Corinthians entraram em confronto com a polícia

Foto: Reprodução/TV

Minutos antes de a bola rolar para o jogo entre Corinthians e Flamengo, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, parte da torcida do Timão presente nas arquibancadas entrou em confronto com policiais militares.

A confusão começou quando torcedores do Flamengo arremessaram copos e demais objetos em direção ao setor onde fica a torcida corinthiana. Em reação à agressão, os alvinegros tentaram invadir o espaço destinado aos flamenguistas. Uma grade chegou a ser quebrada.

A polícia militar, então, interviu. Os policiais usaram cassetetes e spray de pimenta para afastar a torcida do Corinthians da grade que separa os setores do Maracanã. Alguns torcedores revidaram e também agrediram policiais.

Vale destacar que a partida entre Corinthians e Flamengo marca a reabertura do Maracanã. O estádio havia sido fechado para partidas de futebol por conta dos Jogos Rio-2016.

Veja o vídeo da confusão

Veja mais em: Violência no futebol.

Veja Mais:

  • Timão viu Internacional ser superior e vencer com gol aos 46 minutos do segundo tempo

    Corinthians perde colocações no Brasileirão após revés para Internacional; veja tabela

    ver detalhes
  • Zaga de Loss bateu cabeça no Sul e perdeu a segunda seguida

    Defesa falha, Corinthians cede virada ao Internacional e perde a segunda com Loss

    ver detalhes
  • Em tarde ruim, Timão decepcionou no Sul e levou virada por 2 a 1

    Torcida do Corinthians elege 'vilões' de derrota para Internacional; Vital se salva

    ver detalhes
  • Mantuan chorou bastante após o término do jogo

    Nas redes sociais, colegas e Loss dão força a Mantuan; irmão manda recado emotivo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes