Pelo Twitter, Corinthians finalmente se manifesta contra erros consecutivos da arbitragem

202 mil visualizações 114 comentários

Por Meu Timão

A polêmica do gol de impedimento anotado por Guerrero ainda continua dando o que falar. O Corinthians se manifestou pelo Twitter na noite deste domingo. O Timão reclamou do erro de arbitragem e ironizou o termo "cheirinho" - adotado pela torcida flamenguista. A equipe poderia ter saído com os três pontos na bagagem, se não fosse o erro do auxiliar Rafael da Silva Alves.

Além do Guerrero ter anotado em posição irregular, o Corinthians também havia sido prejudicado pela arbitragem também em 2014, contra o próprio Flamengo. Na época, o zagueiro Wallace marcou o gol em posição de impedimento e decretou a vitória da equipe carioca. O duelo ocorreu no Maracanã e foi disputado pelo Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Giuliano já está registrado no BID e está liberado para estrear no domingo, contra o Santos, no Brasileirão

    Giuliano comenta chance de estrear pelo Corinthians no domingo: 'Minha vontade é estar no jogo'

    ver detalhes
  • Corinthians estreia nesta quinta-feira no Campeonato Paulista Sub-20 2021

    Guia Meu Timão: tudo sobre a busca do Corinthians pelo decacampeonato no Paulistão Sub-20

    ver detalhes
  • John Lessa passou por cirurgia para reconstrução do ligamento do joelho direito

    Zagueiro do Corinthians Sub-23 passa por cirurgia no joelho; veja detalhes

    ver detalhes
  • Giuliano irá usar a camisa número 11 do Corinthians

    Corinthians define número da camisa de Giuliano; torcida preferia outra opção

    ver detalhes
  • Elenco do Corinthians voltou a treinar de olho no jogo contra o Santos

    Corinthians se reapresenta após dia de descanso e faz treino tático de olho no Santos

    ver detalhes
  • Último jogo do Corinthians com presença de torcida foi em fevereiro do ano passado, pelo Paulistão

    Governo de SP define data para volta de público aos estádios; Corinthians deve rever Fiel em 2021

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x