Fagner comemora G6 e opina sobre 'principal adversário do Corinthians'

3.6 mil visualizações 36 comentários

Por Meu Timão

Um dos líderes do elenco, Fagner comemorou a manutenção do Timão no G6

Um dos líderes do elenco, Fagner comemorou a manutenção do Timão no G6

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Apesar de ter empatado com o Flamengo em 2 a 2 no último domingo, o Corinthians permaneceu no G6 - vaga que dá acesso a Libertadores de 2017. O lateral-direito Fagner comemorou a permanência do Timão entre as seis melhores equipe na tabela e fez questão de destacar a exibição da equipe no confronto contra o time carioca.

"Depois do jogo contra o Cruzeiro, eu dizia que da maneira com que o time tinha se comportado deveria ser ressaltada. Contra o Flamengo, com Maracanã cheio, conseguimos fazer um grande jogo. Se a vitória viesse, seria melhor em termos de tabela. Mas, pelo desempenho, ficamos muito felizes e tenho certeza de que as coisas tendem a melhora", afirmou o jogador, em entrevista concedida nesta terça, no CT Joaquim Grava.

O camisa 23 projetou aumentar a diferença para o Atlético-PR, que foi derrotado pelo América-MG na noite desta segunda-feira. O pensamento do atleta está no embate diante da Chapecoense, marcado para sábado.

"Na minha cabeça, o principal objetivo é o próximo jogo. Estamos no G-6, o mais importante é permanecer nele até o fim. Agora é pensar jogo a jogo, buscar os três pontos a cada jogo. Ou ter uma folga na última rodada, ou fazer grandes jogos e conseguir a vaga", emendou.

Fagner reconheceu a dificuldade de disputar o Brasileirão e afirmou que a reta final da competição será determinante para saber se o Corinthians jogará a competição sul-americana no ano que vem. Ele acredita nos tropeços dos concorrentes diretos que estão brigando pelo G6.

"O Campeonato Brasileiro sempre traz muitas surpresas, é difícil apontar nosso principal adversário na briga por G-6. A diferença para o Botafogo é de quatro pontos, temos chances de terminar em quinto. É pensar no próximo jogo, fazer um grande jogo. Se os adversários tropeçarem, a diferença diminui. É pensar no próximo adversário e ver a rodada", discursou.

O ala declarou que o principal adversário da equipe será o próprio Corinthians e reforçou que os companheiros terão de lidar com o lado psicológico nas próximas rodadas. O lateral reiterou que os duelos restantes serão encarados como decisões.

"Hoje o principal adversário é o Corinthians, nós mesmos temos de enfrentar esses próximos jogos como decisões. Para que consigamos ficar definitivamente no G-6", encerrou.

Veja Mais:

  • Marcelinho Carioca fez inúmeras críticas aos jogadores e ao técnico Sylvinho durante live no canal oficial do Corinthians

    Críticas e palavras de Marcelinho Carioca incomodaram jogadores e Sylvinho no CT do Corinthians

    ver detalhes
  • Ao Meu Timão, Kyle Fuller fala sobre sua volta ao clube do Parque São Jorge e relação com a torcida

    Fuller conta ao Meu Timão detalhes de seu retorno ao Corinthians e projeta reencontro com a torcida

    ver detalhes
  • Mandaca marcou o gol da segunda vitória do Corinthians em dois jogos na atual fase do Paulista Sub-20

    Corinthians vence São Caetano em casa e segue 100% na segunda fase do Paulista Sub-20

    ver detalhes
  • O técnico Mano Menezes em sua apresentação, em 2014, ao lado do hoje diretor de futebol, Roberto de Andrade

    Duilio descarta chance de Mano Menezes assumir o Corinthians durante o seu mandato, diz Neto

    ver detalhes
  • Luan, Cantillo e Giuliano em penúltimo treino antes de enfrentar o Internacional

    Corinthians faz atividades específicas em penúltimo treino antes de visitar o Internacional

    ver detalhes
  • Tcheco permaneceu sob contrato entre os anos de 2010 e 2012, mas atuou pelo clube apenas na primeira temporada, sendo emprestado nas demais

    Justiça do Trabalho define valor de indenização do Corinthians ao ex-meia Tcheco

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x