Corinthians x Cruzeiro

Pelo Campeonato Brasileiro, o Corinthians enfrenta agora o Cruzeiro

Acompanhe ao vivo

Técnico do Corinthians cita episódio da Segunda Guerra ao apoiar conclusão do Brasileirão

2.0 mil visualizações 28 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Oswaldo se posicionou sobre realização da última rodada do Brasileirão

Oswaldo se posicionou sobre realização da última rodada do Brasileirão

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O técnico Oswaldo de Oliveira fez uma bonita regressão ao defender a realização da última rodada do Campeonato Brasileiro. Em entrevista concedida nesta sexta-feira, no CT Joaquim Grava, logo após falar sobre a tragédia que atingiu a Chapecoense nesta semana, o treinador citou um episódio da Segunda Guerra Mundial para se posicionar sobre o encerramento do Brasileirão.

"Toda e qualquer conjugação neste momento é muito difícil. Falamos aqui de um fato muito grande, com proporções inimagináveis. O luto tem que ser respeitado, com certeza, isso é irrevogável, mas o campeonato tem que acabar, precisa", afirmou.

"Uma vez li um livro que contava a história da Segunda Guerra Mundial e os ataques frequentes dos alemães à cidade de Londres. A cidade acabou se habituando com aquela situação. Todo mundo estava trabalhando, camelôs vendendo comidas, e quando os ataques aconteciam, todo mundo corria para os bunkers, para o subsolo. Quando acabava, todo mundo voltava à rotina. O que aconteceu com nós é de uma dimensão muito grande, difícil de administrar. Na medida que o tempo vai passando, vamos tendo vários tipos de informação e opinião", acrescentou.

A última rodada do Brasileirão se tornou uma incógnita e tema de muita discussão nos últimos dias desde que a CBF adiou as dez partidas para o dia 11, em respeito à vítimas do acidente aéreo com o avião da Chapecoense. O Internacional, por exemplo, tem se posicionado contrário a realização da última rodada, numa tentativa de se manter na Série A. O Atlético-MG, por sua vez, já avisou que não viajará para Chapecó pois entende não haver clima para jogar contra a Chapecoense.

"Respeito muito o que o pessoal do Internacional está dizendo e também acho que o Atlético-MG tem razão de não jogar contra a Chapecoense. No momento deste jogo tem que se prestar uma homenagem. Mas o campeonato tem que acabar, tem muita coisa para acontecer em uma rodada. Não sei se seria interessante uma troca, talvez jogar a rodada na quarta-feira e a Copa do Brasil no domingo, já que assim alterna o planejamento de todo mundo e as férias legais de todos os jogadores", argumentou Oswaldo.

"Isso precisa ser muito bem pensado, temos de levar em consideração os dois lados, o da perda descomunal de tantas pessoas queridas e boas, com as quais tínhamos ligações, e o lado da missão que temos que cumprir, de terminar o campeonato", finalizou.

Veja mais em: Acidente aéreo da Chapecoense, Campeonato Brasileiro e Oswaldo de Oliveira.

Veja Mais:

  • Corinthians recebe o Cruzeiro na noite deste sábado

    Corinthians recebe o Cruzeiro para se manter no G4 do Brasileiro; acompanhe em tempo real

    ver detalhes
  • Walter será responsável pela meta alvinegra na noite deste sábado

    Carille promove três alterações, e Corinthians anuncia escalação para duelo com Cruzeiro

    ver detalhes
  • Corinthians e Cruzeiro se enfrentam pela 27ª rodada do Brasileirão

    Saiba como assistir ao jogo entre Corinthians e Cruzeiro na televisão

    ver detalhes
  • Gustagol foi titular contra o Cruzeiro no primeiro turno; jogo acabou 0 a 0

    Corinthians pode iniciar jogo deste sábado fora do G4; veja a classificação

    ver detalhes
  • Corinthians e Cruzeiro se enfrentam neste sábado, na Arena

    Corinthians recebe Cruzeiro para tentar reencontrar caminho das vitórias no Brasileirão; saiba tudo

    ver detalhes
  • O Corinthians foi derrotado no primeiro jogo das quartas de final do Paulista Sub-20

    Corinthians perde para Ituano e sai atrás na briga por vaga na semifinal do Paulista Sub-20

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: