Ronaldo relembra passagem pelo Corinthians e revela período sem salário

Ronaldo relembra passagem pelo Corinthians e revela período sem salário

Por Meu Timão

123 mil visualizações 95 comentários Comunicar erro

Ronaldo foi contratado por Andrés Sanchez, em 2009

Ronaldo foi contratado por Andrés Sanchez, em 2009

Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

A passagem do atacante Ronaldo no Corinthians, entre 2009 e parte de 2011, significou muito mais do que os gols e títulos conquistados pelo fenômeno no clube. Em pouco mais de duas temporadas, o jogador pentacampeão mundial e com passagens em equipes de ponta no futebol, soube se adaptar ao Timão e transformar a passagem em uma experiência única, ao menos, é desta forma que assegura Ronaldo.

"Foi extraordinária do início ao fim. No início, eu encontrei o Andrés em um hotel na Glória, no Rio, para acertar. E ele, daquele jeito, escreveu um monte de coisa no papel, eu falei: 'Andrés, o que tem nesse papel todo rabiscado?'. Ele disse que era o nosso contrato. Falei para ele fazer o contrato do jeito que quiser e quando arrumasse patrocinador, começaria a me pagar", declarou Ronaldo, em participação no programa Resenha ESPN, na noite deste domingo.

Questionado a respeito do método de negociação, já que o padrão salarial era bem acima do que o Corinthians - participante da Série B no ano anterior - estava acostumado a pagar, Ronaldo revelou a estratégia em comum acordo com o clube e reconheceu a eficiência no método.

"Isso é uma das coisas que quase ninguém sabe, mas eu fiquei seis meses sem receber no Corinthians, até arrumar um patrocinador. Quando eu comecei a jogar, depois no Campeonato Paulista, a gente ganhou e eu recuperei o tempo perdido. Foi um belo de um investimento", acrescentou.

Para Ronaldo, além do rendimento dentro de campo, sua trajetória no Corinthians contou com outros ingredientes que, inclusive, ajudaram o Timão a manter o crescimento nas temporadas seguintes.

"Não tinha nada no Corinthians naquela época. Quando chovia no Parque Ecológico, eu cansava de voltar para casa com a roupa suja. Eu falava pro Andrés que não dava para ficar assim, que era o Corinthians. Fico feliz de ter dado uma estrutura para esse clube. Depois a gente conseguiu tudo, conseguimos o laboratório, o estádio. Hoje o Corinthians é um clube grande com estrutura", completou.

Vestindo o manto alvinegro, Ronaldo disputou 69 partidas e balançou as redes adversárias em 35 oportunidades. Se tratando de títulos, o camisa 9 faturou o Campeonato Paulista e também a Copa do Brasil, ambos na temporada de 2009.

Veja mais em: Ídolos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Gil e Ralf estão em foto publicada pelo Corinthians

    Corinthians e Gil interagem nas redes sociais e indicam acerto pelo retorno do zagueiro

    ver detalhes
  • Volta de GIl ao Corinthians depende apenas de liberação do Shandong Luneng

    Diretor financeiro confirma acerto com Gil e revela alta proposta salarial negada por Romero

    ver detalhes
  • Ralf e Gil foram parceiros no Corinthians de 2013 a 2015

    Ralf, sobre iminente retorno do zagueiro Gil ao Corinthians: 'Dispensa comentários'

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, Marlone e Giovanni Augusto, três de quase 30 que ficarão sem contrato até 31 de dezembro de 2019

    Corinthians prevê economia de milhões com fim do contrato de quase 30 atletas em 2019; veja a lista

    ver detalhes

Comente a notícia: