Corinthians atropela Juventus na semifinal da Copinha e busca pelo décimo título

208 mil visualizações 161 comentários Comunicar erro

Por Isabela Abrantes

Carlinhos marcou o seu décimo gol na competição

Carlinhos marcou o seu décimo gol na competição

Rodrigo Gazzanel / Agência Corinthians

Corinthians 3 X 0 Juventus

Copa São Paulo 2017
22 de janeiro de 2017, 19:45
Corinthians 3 x 0 Juventus
Arena Barueri

O Corinthians entrou em campo na noite deste domingo, em jogo que decidiria a vaga para a final da Copa São Paulo de Futebol Junior. Com atuação impecável em toda a competição, a equipe de Loss entrou completa para o confronto contra o Juventus, da rua Javari.

No já conhecido 4-2-3-1 executado pelo treinador corinthiano, a equipe entrou em campo com Filipe, Samuel, Thiago, Del'Amore, Romão, Mantuan, Renan, Marquinhos, Fabrício Oya, Pedrinho e Carlinhos no ataque.

O confronto aconteceu na Arena Barueri, 19h45, deste domingo, 21 de janeiro. Quem vencesse, encararia o Paulista, de Jundiaí, na grande final. A equipe do interior se classificou para a decisão da competição após golear o Batatais, mas, durante a segunda partida das semifinais, novas informações deram conta de que a equipe pode ser excluída do torneio por escalar um jogador irregular.

Primeiro tempo

Embora mostrasse alguma superioridade em campo, o Timão demorou para impor seu jogo. O Juventus deu trabalho e chegou a criar oportunidades no campo de ataque, dando trabalho à defesa corinthiana.

Aos poucos, porém, o Corinthians foi construindo seu jogo, até que, aos 33 minutos, a equipe conseguiu abrir o placar. Em jogada do ataque do Timão, Pedrinho pegou a bola e chutou em cima do zagueiro. A bola sobrou para Romão que dominou com categoria, enfiou um passe alto para Pedrinho bater. O goleiro Vitor espalmou, mas Carlinhos, oportunista, não bobeou e marcou seu décimo gol na competição.

Com o tento, Carlinhos assume a artilharia isolada da Copinha. A primeira etapa seguiu sem mudanças, e aos 43 minutos, Romão levou uma advertência - o cartão amarelo, segundo da competição - tirou o jogador corinthiano de uma possível final contra o Paulista.

Segundo tempo

Apesar da vantagem no placar, o primeiro tempo não agradou o técnico Osmar Loss, mas a equipe voltou sem mudanças. A bronca no intervalo, no entanto, teve resultado: Marquinhos, aos 4 minutos tabelou com Oya, que chutou para a espalmada do goleiro juventino. O camisa 11, porém, aproveitou a chance e aumentou a vantagem.

Aos 17 minutos, a primeira mudança aconteceu por motivos médicos. Samuel sentiu e deixou o campo para a entrada de Guedes. O jogador, com energia adicional, deu uma bonita corrida do lado direito do campo e fez cruzamento para Oya, que ampliou o placar aos 19 minuto com um golaço.

Algum tempo após o gol, Loss fez as primeiras mudanças táticas: Lucas Amorim, Matheus e Luisinho entraram no lugar de Marquinhos, Pedrinho e Mantuan, aos 27 minutos. Aos 31 minutos, o árbitro viu jogo perigoso de Guilherme Romão - quando este subiu para tentar uma bicicleta na área - e deu o segundo amarelo para o camisa 6 corinthiano.

Com um a menos, Loss colocou em campo o zagueiro Franklin no lugar de Fabrício Oya. Vitinho entrou no lugar de Carlinhos, encerrando as alterações da equipe corinthiana. Em desvantagem de jogadores, o Timão não conseguiu marcar mais tentos, mas segurou bem as investidas do Juventus e terminou a partida com 3 a 0.

Agora, o Corinthians aguarda a decisão da FPF sobre a situação do Paulista. A Federação pode anular a final, dando a vitória corinthiana por W.O., ou dar a vaga pra equipe eliminada, o Batatais.

Veja mais em: Copinha e Base do Corinthians.

Comente a partida entre Corinthians e Juventus