Presidente do Corinthians quer vetar árbitro responsável por erro em jogos do clube

Presidente do Corinthians quer vetar árbitro responsável por erro em jogos do clube

Por Meu Timão

3.2 mil visualizações 49 comentários Comunicar erro

Roberto de Andrade reprova novas partidas sob o condução de Thiago Duarte Peixoto

Roberto de Andrade reprova novas partidas sob o condução de Thiago Duarte Peixoto

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Irreversível. É desta maneira que o presidente do Corinthians classifica o erro cometido pelo árbitro Thiago Duarte Peixoto na noite desta quarta-feira, na vitória do Timão por 1 a 0 sobre o Palmeiras. Diante do fato, o mandatário alvinegro almeja impedir que o profissional de arbitragem volte a marcar presença em compromissos do Corinthians.

Sem ter a ciência de que o pedido é possível, Roberto de Andrade irá consultar a FPF (Federação Paulista de Futebol - entidade responsável pela organização do torneio - a fim de obter a informação e, consequentemente, revelar seu desejo. "Não vai ser (escalado). Eu não vou permitir. Eu não sei de que maneira vou pedir isso, mas acho que não tem ambiente para ele", disse Roberto, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Thiago Duarte Peixoto, erroneamente, expulsou o volante Gabriel ao longo do Dérbi. O árbitro se confundiu em um lance de contra-ataque do Palmeiras, onde Maycon puxou o atacante Keno e, na sequência, Pablo efetuou o desarme por baixo. Entretanto, Thiago entendeu que Gabriel cometeu a infração de Maycon, o punindo com cartão amarelo - e, consequentemente, o vermelho, tendo em vista que o camisa 5 já estava com amarelo.

"Não quero atrapalhar a vida de ninguém. O torcedor acende um sinalizador, e eu perco mando de campo. Não dá mais, as coisas têm de ser reais. Houve um erro? Tem de ser punido. Se for um ou dez jogos não sou eu quem vou dizer. O que ele fez ontem foi um erro que ficou pior ainda por não ter ouvido seus parceiros de trabalho", acrescentou.

Totalmente contra o comportamento do árbitro e ainda mais indignado pelo erro, o presidente corinthiano destacou o comportamento agressivo do mesmo. "Não é reclamação da atuação, mas, sim, pela arrogância e prepotência para se reportar às pessoas dentro de campo. Isso não deixa de ser um defeito. Respeito tem de haver", finalizou.

Vale ressaltar que Thiago Duarte Peixoto relatou o erro na súmula somente nesta quinta-feira, através de retificação. Desta forma, a suspensão de Gabriel para a próxima rodada passa por análise e pode ser anulada.

Veja mais em: Roberto de Andrade, Diretoria do Corinthians, Campeonato Paulista e Derbi.

Veja Mais:

  • Roger marcou o segundo gol corinthiano no duelo deste domingo

    Corinthians vira nos acréscimos, mas ainda leva gol de empate e tropeça no Vitória

    ver detalhes
  • Corinthians empatou com o Vitória em 2 a 2 nesta rodada

    Concorrentes tropeçam, e Corinthians abre leve distância para Z4; veja classificação

    ver detalhes
  • Ralf foi eleito craque da partida no entendimento dos torcedores do Corinthians

    Veteranos são eleitos 'craques' do Corinthians no Barradão; Avelar beira nota zero

    ver detalhes
  • Jadson foi autor do primeiro gol do Corinthians contra o Vitória, em Salvador

    Jadson reconhece situação desconfortável do Corinthians no Brasileiro e lamenta 'gols dados'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes