Há oito anos, Ronaldo calava a Vila Belmiro com gol monumental

Há oito anos, Ronaldo calava a Vila Belmiro com gol monumental

3.5 mil visualizações 57 comentários Comunicar erro

Ronaldo marcou dois gols naquela final contra o Santos

Ronaldo marcou dois gols naquela final contra o Santos

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O ano de 2009 começou cheio de expectativas para a equipe do Corinthians. O clube tinha acabado de voltar a primeira divisão e Ronaldo Fenômeno havia sido anunciado como grande reforço do clube. Não demorou muito para as expectativas se confirmarem e a contratação do grande craque brasileiro ser justificada.

Após ter passado pelo São Paulo na semifinal do Campeonato Paulista daquele ano, o Corinthians chegou à final do estadual com uma campanha invicta. Há oito anos, no dia 26 de abril, a equipe enfrentou o Santos na final. O primeiro jogo foi realizado no estádio do rival, na Vila Belmiro, e o Corinthians conseguiu uma grande vitória por 3 a 1 - um dos gols corinthianos, inclusive, foi um golaço por cobertura de Ronaldo.

Como qualquer final de campeonato, o jogo começou com o clima muito tenso. Logo aos dez minutos, Pará fez falta em Morais, e Chicão - que mesmo sendo zagueiro era o artilheiro do Timão na temporada - bateu e marcou o primeiro gol da partida. Aos 25 minutos, Chicão deu um chutão pra frente e o primeiro momento de Ronaldo no jogo apareceu. O atacante dominou com categoria e tocou na saída do goleiro Fábio Costa, ampliando a vantagem para o Timão. Com o 2 a 0 no placar, o Santos se lançou para frente e começou a pressionar o Corinthians, mas o time da Vila Belmiro sempre parava no goleiro Felipe, que fazia grandes defesas.

No segundo tempo o roteiro era o mesmo: o Santos pressionava o Timão tentando diminuir a vantagem corinthiana de qualquer jeito. Até que aos 15 minutos, Triguinho cruzou uma bola na área, a bola desviou em Felipe e entrou para o gol. O placar era de 2 a 1, mas o grande momento da partida, e talvez do campeonato, ainda estava por vir. Aos 31 minutos, em uma tentativa de ataque do Santos, Boquita chutou a bola para o meio de campo, ela sobrou para Elias, que tentou driblar o adversário, mas acabou passando a bola para Ronaldo. O atacante deu um lindo drible no marcador e encobriu o goleiro Fábio Costa. Além de garantir o placar de 3 a 1 para o Timão, Ronaldo justificava sua contratação e calava a Vila Belmiro e os críticos que falavam que ele era um ex-jogador em atividade.

Ronaldo ainda recebeu elogios de Pelé no dia. O ex-jogador estava assistindo ao jogo no estádio naquele 26 de abril. Após o golaço de Ronaldo, Pelé estava saindo da Vila Belmiro quando disse que o atacante fez "um gol digno de Pelé, digno de rei".

O Corinthians se sagraria campeão paulista mais tarde. No segundo jogo as equipes empataram em 1 a 1, resultado que deu o título ao Timão.

Relembre os gols corinthianos no primeiro jogo da final do Paulistão em 2009

Veja mais em: Jogos Históricos, Campeonato Paulista e Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Jonathas está na mira do Corinthians; atacante está no Hannover, da Alemanha

    Uma contratação, uma baixa e duas negociações: como se reapresenta o Corinthians pós-folga

    ver detalhes
  • Éric Cantona utilizou imagem de Sócrates para criticar Neymar

    Ídolo francês usa foto de corinthiano Sócrates para dar indireta a Neymar

    ver detalhes
  • Goleada da Inglaterra inspirou memes de corinthianos

    Torcida do Corinthians usa goleada da Inglaterra para provocar São Paulo nas redes sociais

    ver detalhes
  • Bernard, Marinho e Sánchez são algumas sugestões da Fiel ao Corinthians

    Sete sugestões de contratação da Fiel ao Corinthians para o segundo semestre de 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes