Carille revela bastidores sobre Marlone e Guilherme e explica diferença para Giovanni e Marquinhos

Carille revela bastidores sobre Marlone e Guilherme e explica diferença para Giovanni e Marquinhos

Por Meu Timão

Marlone e Guilherme estão emprestados pelo Corinthians a Atlético-MG e Atlético-PR

Marlone e Guilherme estão emprestados pelo Corinthians a Atlético-MG e Atlético-PR

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O Corinthians de Fábio Carille vem sendo marcado por um processo de reconstrução. E isso se personifica em nomes como Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto, em quem o treinador vem depositando confiança e apostando para o restante da temporada. O mesmo não pode ser dito a respeito de outros reforços de 2016: Marlone e Guilherme.

Em entrevista concedida nesta terça-feira à noite à Rádio Transamérica, Carille revelou bastidores das saídas de Marlone e Guilherme. A intenção do treinador, nos primeiros meses de 2017, era recuperar tais jogadores. Os planos dos próprios atletas, de acordo com o técnico, frustraram tais perspectivas.

Leia também: Exames descartam lesão, e Marquinhos Gabriel volta a ficar à disposição do Corinthians

"A questão do Marlone: ele recebeu a proposta e não quis nem conversa. Pegou a chuteira e falou que não queria ficar. Se não quer ficar, o melhor é sair mesmo", comentou, se referindo à saída do então camisa 8 por empréstimo ao Atlético-MG.

"O Guilherme, eu estava levando para os jogos. Mas sempre tinha problema muscular. Aí apareceu proposta do Atlético-PR, e ele quis sair. Quando o jogador não faz força para ficar, é melhor sair mesmo", completou, aí se referindo ao então camisa 10, que atualmente está emprestado ao Atlético-PR.

Chama atenção o fato de outros dois jogadores também contratados em 2016 terem seguido caminho oposto ao de Marlone e Guilherme. São eles: Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto, que seguem no elenco corinthiano. O camisa 31 inclusive já é considerado reserva imediato para o meio de campo alvinegro; no caso do camisa 17, recém-recuperado de lesão muscular, ele vem entrando no segundo tempo das partidas em processo de evolução.

"O Giovanni quis ficar na ocasião da proposta do Internacional. O Marquinhos não teve proposta (...) Assim como o Marquinhos vem se recuperando, o Giovanni também se recuperará. É meu objetivo e minha missão como treinador do Corinthians", explicou.

Veja mais em: Marlone, Guilherme, Mercado da bola e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Depois de quase deixar o Timão no início do ano, Rodriguinho não pensa em sair

    Rodriguinho 'esquece' Europa e evita pensar em Seleção: 'Outros estão na minha frente'

    ver detalhes
  • Reunião da comissão técnica deve vetar férias antecipadas no Corinthians

    Reunião da comissão técnica deve vetar férias antecipadas no Corinthians

    ver detalhes
  • Nesta quarta-feira, o Timãozinho perdeu o Dérbi por 1 a 0

    Corinthians é superado na Arena e decide título da Copa do Brasil Sub-17 fora de casa

    ver detalhes
  • Os dois únicos tricampeões pelo Corinthians

    VÍDEO: Os dois únicos tricampeões pelo Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes