Carille revela bastidores sobre Marlone e Guilherme e explica diferença para Giovanni e Marquinhos

Carille revela bastidores sobre Marlone e Guilherme e explica diferença para Giovanni e Marquinhos

Por Meu Timão

211 mil visualizações 311 comentários Comunicar erro

Marlone e Guilherme estão emprestados pelo Corinthians a Atlético-MG e Atlético-PR

Marlone e Guilherme estão emprestados pelo Corinthians a Atlético-MG e Atlético-PR

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O Corinthians de Fábio Carille vem sendo marcado por um processo de reconstrução. E isso se personifica em nomes como Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto, em quem o treinador vem depositando confiança e apostando para o restante da temporada. O mesmo não pode ser dito a respeito de outros reforços de 2016: Marlone e Guilherme.

Em entrevista concedida nesta terça-feira à noite à Rádio Transamérica, Carille revelou bastidores das saídas de Marlone e Guilherme. A intenção do treinador, nos primeiros meses de 2017, era recuperar tais jogadores. Os planos dos próprios atletas, de acordo com o técnico, frustraram tais perspectivas.

Leia também: Exames descartam lesão, e Marquinhos Gabriel volta a ficar à disposição do Corinthians

"A questão do Marlone: ele recebeu a proposta e não quis nem conversa. Pegou a chuteira e falou que não queria ficar. Se não quer ficar, o melhor é sair mesmo", comentou, se referindo à saída do então camisa 8 por empréstimo ao Atlético-MG.

"O Guilherme, eu estava levando para os jogos. Mas sempre tinha problema muscular. Aí apareceu proposta do Atlético-PR, e ele quis sair. Quando o jogador não faz força para ficar, é melhor sair mesmo", completou, aí se referindo ao então camisa 10, que atualmente está emprestado ao Atlético-PR.

Chama atenção o fato de outros dois jogadores também contratados em 2016 terem seguido caminho oposto ao de Marlone e Guilherme. São eles: Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto, que seguem no elenco corinthiano. O camisa 31 inclusive já é considerado reserva imediato para o meio de campo alvinegro; no caso do camisa 17, recém-recuperado de lesão muscular, ele vem entrando no segundo tempo das partidas em processo de evolução.

"O Giovanni quis ficar na ocasião da proposta do Internacional. O Marquinhos não teve proposta (...) Assim como o Marquinhos vem se recuperando, o Giovanni também se recuperará. É meu objetivo e minha missão como treinador do Corinthians", explicou.

Veja mais em: Marlone, Guilherme, Mercado da bola e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Corinthians vem de derrota para o Santos na última partida disputada pelo Brasileirão

    Corinthians é ultrapassado, vê Z4 embolar e fica a cinco pontos da vice-lanterna; veja classificação

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians terá duas opções para assistir ao jogo contra o Vitória

    Dois canais de TV transmitem jogo entre Corinthians e Vitória neste domingo

    ver detalhes
  • Adriana marcou gol da vitória do Corinthians na primeira final do Brasileirão Feminino

    Corinthians vence final fora de casa e fica a um empate de título inédito do Brasileiro Feminino

    ver detalhes
  • Corinthians realizou treinamento com portões fechados para a imprensa neste sábado

    Escalação segue indefinida, e Corinthians tem 22 relacionados para jogo contra Vitória

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes