Estreia e primeiro gol de Pablo como profissional foram contra... Cássio!

Estreia e primeiro gol de Pablo como profissional foram contra... Cássio!

Por Meu Timão

Em 2010, Pablo estreou como profissional com direito a gol em Cássio, hoje companheiro

Em 2010, Pablo estreou como profissional com direito a gol em Cássio, hoje companheiro

Site oficial do Ceará

Ao ser apresentado como reforço do Corinthians, no dia 26 de janeiro, Pablo encontrou no clube um velho conhecido, personagem marcante de sua estreia como jogador profissional. Em 2010, há pouco de mais de sete anos, o zagueiro enfrentou Cássio e, de quebra, marcou o primeiro gol da carreira no goleiro, à época aposta do PSV Eindhoven, da Holanda.

Pablo, então com 18 anos, havia acabado de ser promovido das categorias de base do Ceará. Promissor, o zagueiro acabou escalado pelo técnico PC Gusmão no amistoso diante do PSV, que disputaria sua primeira partida da história em solo brasileiro – ainda que não oficial.

Ceará e PSV se enfrentaram na noite de 6 de maio de 2010, no Castelão. A equipe da casa, que acabara de ser eliminada do campeonato estadual, chegou ao gol logo nos primeiros minutos, quando o jovem Pablo se aventurou no campo de ataque, aproveitou cruzamento da esquerda e testou firme no canto do goleiro Cássio, também garoto, único brasileiro do elenco holandês.

Uma estreia que não podia ser melhor, né? Um gol, um time internacional, muito bom”, festejou Pablo, bastante tímido, na ocasião. O duelo em Fortaleza terminou empatado em 1 a 1.

Leia também:

Treinador do Bordeaux confirma interesse 'há um bom tempo' em Arana, do Corinthians
Ex-Bordeaux, Pablo lembra disparada do PSG e faz paralelo com o Corinthians no Brasileirão
Aplaudido até em carrinhos, Pablo agradece à torcida do Corinthians e faz uma ressalva

Em entrevista ao jornal Lance! concedida no início da temporada, Pablo descreveu a sensação de marcar o primeiro gol como atleta profissional em sua estreia e, também, sobre o goleiro que seria seu companheiro de equipe no futuro:

“Eu era garoto, recebi uma oportunidade que nunca vou esquecer e consegui fazer um gol. Não era nem bola parada, foi um cruzamento que eu apareci quase na marca do pênalti e cabeceei na esquerda do Cássio. Quase que ele pegou (risos). Mas agora estamos do mesmo lado, então melhor para mim”, lembrou Pablo.

Emprestado pelo Bordeaux (FRA) até dezembro de 2017, Pablo não demorou a cair nas graças da torcida do Corinthians. Titular absoluto sob o comando de Fábio Carille, o camisa 3 disputou 35 jogos e marcou dois gols desde que chegou ao CT Joaquim Grava. A diretoria alvinegra, inclusive, tenta viabilizar a contratação em definitivo do defensor há alguns meses.

Assista à reportagem do jogo produzida pela TV Jangadeiro

Veja mais em: Pablo e Cássio.

Veja Mais:

  • Pablo não deve enfrentar o Atlético Mineiro no domingo

    [Marco Bello] Pablo não deve enfrentar o Atlético Mineiro no domingo

    ver detalhes
  • Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    ver detalhes
  • Ralf ergueu troféu do hexa do Brasileirão antes de deixar Corinthians

    Ralf diz que não jogaria em rival do Corinthians, explica saída e opina sobre Gabriel

    ver detalhes
  • Pré-temporada de 2018 teve início nesta semana para jogadores do Timão

    Corinthians se antecipa, e jogadores realizam exames cardiológicos para 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes