Caio Emerson treina com profissionais na Espanha, mas fala em 'escrever história' no Corinthians

Caio Emerson treina com profissionais na Espanha, mas fala em 'escrever história' no Corinthians

Por Meu Timão

8.6 mil visualizações 36 comentários Comunicar erro

Caio Emerson atuou no Timão entre 2014 e 2017

Caio Emerson atuou no Timão entre 2014 e 2017

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O atacante Caio Emerson, que deixou o Corinthians recentemente, vive um grande momento em sua carreira na Espanha. Protagonista da Copa do Brasil Sub-17 conquistada pelo Timão em maio do ano passado, o jovem de 18 anos foi selecionado pela comissão técnica do Granada para realizar treinamentos na equipe profissional, que faz pré-temporada desde o último dia 18, na Holanda.

Integrante do Granada B nos últimos meses, o atleta ainda não atuou pelos 'los filipinos' devido o período de inscrições para os campeonatos em que a equipe disputa ter chegado ao fim. Nesse período, porém, Caio Emerson, contratado pelo time europeu até 2021, aproveitou para se dedicar somente aos treinamentos e buscou se habituar ao futebol do país.

''Foi uma notícia fantástica. É uma recompensa de todo o esforço que pus nos gramados. Passa quase que um filme, relembrando todos os momentos, do meu começo no Cruzeiro, depois a passagem pelo Corinthians. Os momentos positivos e também os que foram mais difíceis. Eu espero aprender, aprender e aprender… Treinar com o grupo profissional, com jogadores experientes e com passagens por seleção vai ser fundamental para a minha carreira. Espero evoluir bastante e, quem sabe, poder contribuir em algum momento na temporada profissional. Vou trabalhar muito para chamar a atenção do corpo técnico e fazer o que me pedem dentro e fora de campo para buscar uma vaga no elenco'', contou, em entrevista ao Lance!.

Leia também:
Com 'descontão', Corinthians inicia venda de ingressos para jogo contra o Sport
Corinthians vence ação na Justiça ligada à morte do meia William Morais
Diretoria do São Paulo nega interesse no goleiro Walter, do Corinthians

Antes de embarcar para a Espanha, Caio Emerson vestiu as camisas de Cruzeiro e Corinthians. Na equipe paulista, teve como principais conquistas a Taça BH, o Mundial Sub-17 de 2015 e a Copa do Brasil Sub-17, em 2016, onde foi o artilheiro da competição com sete gols marcados.

Mesmo com os êxitos, porém, não voltou a defender as cores alvinegras devido a um empasse na hora de assinar seu primeiro contrato profissional. A crise financeira em que o Timão estava envolto no último ano também pesou na decisão de não exercer a compra dos direitos econômicos do atleta.

Ainda que esteja longe, Caio Emerson não descarta voltar a atuar no Brasil e acredita que sua história no futebol nacional não chegou ao fim. Acerca desse fato, o jovem cogita, no futuro, voltar a jogar no Corinthians, time que defendeu entre 2014 e 2017 com bons números e atuações.

''Claro que você deseja estar no profissional de um grande clube do futebol brasileiro, como é o Corinthians, e construir sua história. Só que para mim as coisas aconteceram para que eu chegasse ao Granada, um clube que está investindo bastante no futebol. Qual jogador não sonha em atuar na Europa também? A oportunidade apareceu e eu abracei. Mas é aquela coisa, o futuro a Deus pertence. Nada impede de que daqui alguns anos eu possa continuar escrevendo uma história no Corinthians'', finalizou.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Renan Areias (no centro) está no Corinthians desde os seis anos de idade

    Corinthians empresta capitão do Sub-20 para o Red Bull Brasil

    ver detalhes
  • Fessin já marcou três gols pelo Corinthians no Paulista Sub-20

    Fessin marca, Corinthians vence no Paulista Sub-20 e diminui distância para rival

    ver detalhes
  • Corinthians fechou a primeira fase na liderança e invicto no Paulista Feminino

    Corinthians vence Portuguesa e fecha primeira fase do Paulista Feminino líder invicto

    ver detalhes
  • Corinthians de Ronaldo foi eliminado pelo Tolima em 2011 e mesmo assim Tite seguiu como técnico

    Tite/11 x Loss/18: diferenças e semelhanças entre as crises corinthianas comparadas por Andrés

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes