Carille usa 6 a 1 após o hexacampeonato contra possível 'ressaca' do Cruzeiro

Carille usa 6 a 1 após o hexacampeonato contra possível 'ressaca' do Cruzeiro

Carille em coletiva na tarde desta sexta-feira

Carille em coletiva na tarde desta sexta-feira

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Jogar de ressaca é um jargão usado no futebol para aquela equipe que conquista um título importante e, poucos dias depois, precisa entrar em campo para disputar um novo jogo. Um termo que, para o técnico Fábio Carille, não pode ser utilizado com o Cruzeiro.

Na tarde desta sexta-feira, o treinador do Corinthians comentou a possibilidade de o campeão da Copa do Brasil entrar com a guarda baixa neste domingo, quando as equipes se enfrentam no Mineirão. Ele lembrou uma situação semelhante vivida por ele no Timão.

"Tem os dois lados. Eu me lembro que fomos campeões (em 2015) contra o Vasco na quarta-feira e ganhamos do São Paulo no domingo, de 6 a 1. Tem o lado de perder a concentração, ano resolvido. Mas tem o lado de entrar sem responsabilidade e fazer o que fizemos contra o São Paulo", lembrou o comandante alvinegro, que completou:

"Fizemos nossa programação normal, pensando no Cruzeiro", avisou.

Carille fez questão de afirmar que a preparação dos seus jogadores durante a semana foi a mais intensa possível, sem depender do resultado da Copa do Brasil.

"Semana boa, proveitosa, tirei hoje a carga do treino porque quarta e terça foram treinos mais pesados", afirmou.

Vale lembrar que também nesta sexta-feira, o zagueiro Léo deixou claro que o time comandado por Mano Menezes manterá o foco para o duelo válido pela 26ª rodada do Brasileirão.

"Estamos focados. Vamos com tudo buscar nossos objetivos, que são as vitórias, a evolução da equipe e o crescimento que vem tendo nas últimas rodadas. Esse vai ser o objetivo que vamos trilhar nesse campeonato ainda", afirmou o defensor do Cruzeiro, em participação no programa Tá na Área, do SporTV.

Veja mais em: Fábio Carille e Majestoso.

Veja Mais:

  • Vice-presidente no início dos anos 2000, Citadini é candidato nas eleições de fevereiro

    Citadini condena submissão do Corinthians à CBF e promete ir à Fifa por mudança no estatuto

    ver detalhes
  • Mateus Vital fará estreia no Corinthians logo como titular

    Vital, Pedrinho & cia: Corinthians rejuvenesce para jogo desta quarta e empolga Fiel

    ver detalhes
  • Corinthians e São Paulo se reencontram neste sábado, no Pacaembu

    Torcedores do São Paulo já se preocupam com clássico contra Corinthians; veja tweets

    ver detalhes
  • Mateus Vital será titular do Corinthians e fará assim sua estreia com a camisa alvinegra

    Carille muda todo o ataque e define Corinthians para pegar Ferroviária; Vital estreia

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes