Decisiva, goleira do Corinthians/Audax celebra título na Libertadores: 'A ficha não caiu'

Decisiva, goleira do Corinthians/Audax celebra título na Libertadores: 'A ficha não caiu'

Por Meu Timão

930 visualizações 16 comentários Comunicar erro

A goleira Lelê defendeu dois pênaltis na decisão da Libertadores Feminina

A goleira Lelê defendeu dois pênaltis na decisão da Libertadores Feminina

Foto: Reprodução/Twitter

Horas após a conquista invicta do Corinthians/Audax na Libertadores Feminina, Lelê segue extasiada. A goleira foi responsável por duas defesas de pênaltis, que garantiram o título inédito e a vitória sobre o Colo Colo na disputa de penalidades alternadas, neste sábado, no Paraguai. Diante de uma taça tão importante, aos 23 anos de idade, a arqueira do Timão afirmou que ainda não consegue acreditar no feito.

Em entrevista compartilhada no perfil do Corinthians no Twitter, Lelê enumerou a alegria de poder fazer história no clube alvinegro. A ficha, segundo a própria goleira, ainda não caiu.

“Para falar a verdade, a ficha não caiu muito ainda. Acho que vai demorar um pouquinho ainda, mas o único sentimento que tenho é de alegria, felicidade, gratidão. Acho que é o que resume tudo isso que passou hoje. Quando o tempo passar um pouquinho, a gente respirar mais, aí a ficha cai”, disse Lelê – confira o vídeo abaixo.

Leia também:
Campeão na Libertadores de 2012, Danilo parabeniza Corinthians por taça inédita
Melhor da história, Marta comemora título inédito do Corinthians em rede social

O caminho até o lugar mais alto do pódio não foi fácil para as meninas do Timão. Depois de um empate sem gols no tempo normal, com um acúmulo de erros da juíza venezuelana Eryerlitz Escalona, o Corinthians/Audax deu início as cobranças de pênaltis com um erro de Cacau. O Colo Colo precisava de apenas uma última penalidade para garantir o título, mas Lelê apareceu. A goleira defendeu e garantiu a decisão em alternadas, ecoando a frase “eu estou aqui” para a adversária.

“Sim, com certeza (falou “Eu estou aqui”). Até pela partida como foi. Aí eu falei: 'meu, não vai tirar o que é nosso. Vim para resolver, vim para ser campeã da Libertadores'”, explicou a goleira alvinegra.

O Corinthians/Audax se consagrou como quarto time brasileiro a levantar o troféu da competição continental da modalidade. Apenas o Santos, duas vezes, o São José, tricampeão, e a Ferroviária haviam conquistado o feito. O título gerou comoção na torcida alvinegra, que movimentou as rede sociais com felicitações para a equipe corinthiana.

Com isso, Lelê não deixou de mandar um recado especial para a Fiel, exaltando o apoio dos torcedores do Timão. “Torcida do Corinthians: esse título é nosso, mas sem dúvidas vocês têm participação nisso e é de vocês também. Vai, Corinthians! A América é nossa”, agradeceu.

Confira a entrevista de Lelê após a conquista

Veja mais em: Futebol feminino.

Veja Mais:

  • Duelo ganhou ares dramáticos com prorrogação, mas terminou em alívio e comemoração dos corinthianos

    Em jogo dramático, pivô faz três, Corinthians segura empate na prorrogação e vai às quartas da LNF

    ver detalhes
  • Roger marcou o gol da virada do Corinthians, que ainda levou empate do Vitória nos acréscimos

    Veja sobe e desce do Corinthians na classificação ao término da 30ª rodada do Brasileirão

    ver detalhes
  • Atacante Matheus Mello, de 16 anos, foi destaque na disputa da Taça BH desta temporada

    Corinthians contrata atacante de 16 anos com multa rescisória de mais de R$ 80 milhões

    ver detalhes
  • Empresário de Pedrinho fez acusações contra Neto em vídeo nesta segunda-feira

    Empresário de Pedrinho acusa Neto de assédio e xinga ex-meia em vídeo: 'Gordo ridículo'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes