Ex-jogadores Mauro da Silva e Alessandro voltam a ganhar títulos pelo Corinthians fora de campo

Ex-jogadores Mauro da Silva e Alessandro voltam a ganhar títulos pelo Corinthians fora de campo

Mauro da Silva conquistou dois títulos como jogador e outros 12 na comissão técnica

Mauro da Silva conquistou dois títulos como jogador e outros 12 na comissão técnica

Foto: Rodrigo Vessoni / Meu Timão

A confirmação do heptacampeonato brasileiro do Corinthians aumentou a galeria de glórias de dois dos profissionais mais vitoriosos do clube: o ex-atacante Mauro da Silva, que hoje atua como observador técnico, participou de uma conquista do Timão pela 14ª vez, e o ex-lateral Alessandro, hoje gerente de futebol, fez parte de um título pela 11ª vez. Eles podem ser considerados dois dos homens mais vitoriosos em 107 anos de história do clube.

Como jogador, Mauro atuou em 104 jogos entre os anos de 1989 e 1991, marcando oito gols. Foram dois títulos no período: o Brasileirão de 90 e a Supercopa do Brasil em 91, contra o Flamengo. Após se aposentar, tornou-se auxiliar. Como observador técnico dos adversários e de futuras contratações, Mauro conquistou outros 12 títulos. O primeiro foi o Paulistão de 97, ainda na comissão técnica de Nelsinho Baptista. Depois de um período fora do clube, o ex-atacante retornou para vivenciar os anos mais gloriosos do Timão.

Alessandro Nunes, hoje gerente de futebol, já conquistou 11 títulos no clube

Alessandro conquistou oito títulos como jogador e três como dirigente

Rodrigo Vessoni / Meu Timão

Já Alessandro chegou à 11ª conquista de forma diferente, com a maioria na função de jogador. O ex-lateral chegou para ajudar o Corinthians na Série B. Na sequência, como titular absoluto da posição, o ex-camisa 2 emendou uma sequência de sete títulos. Destaque, claro, para o ano de 2012. Alessandro foi capitão da equipe nas conquistas da Libertadores e do Mundial de Clubes, sendo o responsável pelo levantamento das duas taças.

Aposentado em dezembro de 2013, tornou-se membro da diretoria de futebol na sequência, como superintendente, uma uma espécie de terceiro cargo no departamento - atrás do diretor de futebol, que normalmente é conselheiro do clube, e do gerente. Com a saída de Edu Gaspar para a Seleção, foi elevado ao posto de gerente, trabalhando diretamente ligado à comissão técnica. Alessandro, então, já emendou mais três conquistas fora do gramado: Brasileiros de 2015 e 2017 e Estadual 2017.

Dentro ou fora de campo, não há como negar: Mauro da Silva e Alessandro são profissionais vitoriosos quando o assunto é Corinthians.

Os 14 títulos de Mauro da Silva no Corinthians

Como jogador:
Campeonato Brasileiro (1990)
Supercopa do Brasil (1991)

Como observador técnico:
Paulista - 1997, 2009, 2013 e 2017
Série B - 2008
Copa do Brasil - 2009
Brasileirão - 2011, 2015 e 2017
Recopa - 2013
Libertadores - 2012
Mundial - 2012

Os 11 títulos de Alessandro no Corinthians

Como jogador
Paulista - 2009 e 2013
Série B - 2008
Copa do Brasil - 2009
Brasileirão - 2011
Recopa - 2013
Libertadores - 2012
Mundial - 2012

Como dirigente:
Paulista - 2017
Brasileirão - 2015 e 2017

Veja mais em: Alessandro, Ex-jogadores do Corinthians e História do Corinthians.

Veja Mais:

  • Flávio Adauto não é mais diretor de futebol do Corinthians

    Em nota oficial, Corinthians anuncia saída de Adauto e Piovesan

    ver detalhes
  • Andrade permanece à frente do Corinthians apenas até fevereiro de 2018

    Corinthians estima superávit em 2018; clube pretende arrecadar R$ 50 milhões em vendas

    ver detalhes
  • Super carros do Monster Jam já estão na Arena Corinthians

    Carros gigantes chegam à Arena Corinthians para evento deste sábado; veja fotos

    ver detalhes
  • Júnior Dutra assinou com o Corinthians até dezembro de 2019; único reforço confirmado

    Exato um mês após o título brasileiro, Corinthians tem só um reforço; três são os motivos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes