Escalação alternativa e rendimento de Vitinho: técnico explica mudanças do Sub-17 do Corinthians

2.6 mil visualizações 14 comentários Comunicar erro

Marcos Soares chegou ao Corinthians em março deste ano

Marcos Soares chegou ao Corinthians em março deste ano

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Na tarde da última quinta-feira, o Sub-17 do Corinthians encarou o Palmeiras na grande final da Copa do Brasil dispondo de uma escalação alternativa. A Fiel, atenta, questionou as três mudanças promovidas pelo técnico Marcos Soares e, principalmente, indagou a ausência do meia Vitinho, que deu lugar a Adson no Dérbi. À reportagem do Meu Timão, o comandante alvinegro explicou as alterações.

"O Vitinho, desde que voltou da Seleção, não voltou bem fisicamente, a gente está insistindo porque ele é um baita jogador, é o cara da Seleção Brasileira do nosso time. Mas a gente achou melhor guardá-lo para o segundo tempo para que ele pudesse encontrar os jogadores do outro lado um pouco mais cansados e, assim, resolver o jogo para gente", explicou.

Assim como Vitinho, que subiu aos gramados do Estádio do Pacaembu no segundo tempo do confronto, o meia Serginho também foi sacado da equipe da Zona Leste, vendo o atacante Lucas Piton, que comumente deixa o banco de reservas apenas na etapa complementar dos duelos, assumir a posição.

Leia também: Volante Du analisa vice da Copa do Brasil Sub-17 e afirma: 'Cabeça erguida, como aprendi'

"As mudanças foram reflexo da semana e do jogo passado. O Serginho teve uma lesão grave e ficou muito tempo parado, a gente está tentando dar jogo a ele, mas como titular ele não conseguiu render bem", afirmou.

A maior curiosidade das alterações feitas pelo treinador corinthiano diz respeito ao setor ofensivo do Timãozinho. O atacante Rafael Mascarenhas, que perdeu vaga para o companheiro Giovanny, foi o responsável por levar a decisão para os pênaltis após marcar na etapa final. Nas penalidades, entretanto, o vice-campeonato nacional se confirmou.

"Os meninos que começaram o jogo foram muito bem no primeiro, acho que foi o maior mérito dessa equipe. O ano todo a gente conseguiu rodar todo mundo e conseguimos ganhar mesmo assim, não foi diferente hoje. A gente ganhou o jogo. Pena que tem um tal de pênalti que entrou mais a bola deles do que a nossa", finalizou.

Veja mais em: Base do Corinthians e Dérbi.

Veja Mais:

  • Corinthians leva a virada e perde para o Cruzeiro por 2 a 1 em Itaquera; Carille foi expulso no segundo tempo

    Corinthians não consegue afastar crise e perde de virada para o Cruzeiro pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Com apenas 5,6, o volante Ralf foi eleito o melhor em campo pela Fiel

    Torcida do Corinthians poupa Ralf em noite de médias extremamente baixas; reserva é o pior em campo

    ver detalhes
  • Em meio a crise, Fábio Carille seguirá no comando do Corinthians

    Diretor do Corinthians garante permanência de Fábio Carille

    ver detalhes
  • Carille foi alvo de críticas da Fiel após a derrota para o Cruzeiro

    Fim da paciência com Carille, erros de arbitragem e Corinthians 'em queda'; veja repercussão da Fiel

    ver detalhes
  • Corinthians perdeu de virada para o Cruzeiro na noite deste sábado

    Com nova derrota, Corinthians pode terminar rodada fora do G6 do Brasileirão; veja tabela

    ver detalhes
  • Fábio Carille foi expulso por conta de reclamação para o árbitro e irá perder o próximo jogo do Corinthians

    Corinthians sofre com pendurados e expulsão de Carille e terá desfalque triplo diante do Santos

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: