Com foco na Libertadores, Corinthians se preocupa com lesões e ajustes táticos

Apesar do confronto diante do Noroeste, pelo Paulistão, jogadores já se preocupam com 'decisão' pela competição sul-americana.

No discurso, o técnico Tite afirma que o foco do Corinthians é o jogo contra o Noroeste, domingo, no Pacaembu, pelo Paulistão. Mas nem mesmo os jogadores escondem que a prioridade é o duelo da próxima quarta-feira, na estreia na primeira fase da Libertadores, diante do Deportes Tolima (COL), também em casa.

– Ninguém pode ficar fora desse jogo da Libertadores. Vamos tirar um pouquinho o pé, mas não vamos deixar de buscar a vitória (contra o Noroeste) – afirmou Jorge Henrique, titular no último jogo.

O atacante, inclusive, é um dos que entram no planejamento especial da comissão técnica e do departamento médico. A grande preocupação é que todos os titulares – à exceção de Alessandro e Paulo André, vetados – estejam em condições ideais para o confronto. As ausências por lesão, no Campeonato Brasileiro, deixaram um trauma.

Jorge teve séria lesão na coxa esquerda no fim do ano passado e sentiu dores no tendão na pré-temporada. Até hoje, faz trabalhos preventivos.
Dentinho, que teve pequena lesão na bacia, e Ronaldo, que ainda tem limitações físicas, são outros sob cuidados. Até mesmo Bruno César, abaixo do condicionamento físico normal, poderá ganhar um descanso no domingo. O time titular deverá ser um mistério até minutos antes da partida.

A ideia de poupar jogadores não agrada a Tite por um simples motivo: a equipe terá apenas três jogos até o duelo sul-americano e alguns fatores preocupam. Além da falta de ritmo de jogo, comum pouco depois da pré-temporada, o treinador corintiano espera melhora, principalmente, no sistema ofensivo.

– O time está alternando, principalmente do meio para a frente. Falta coordenação, melhorar a ultrapassagem. O meio para a frente deixa um
pouco a desejar, atrás o time está mais ajeitado – disse.

No início do ano, Tite ensaiou a equipe com Ronaldo, Dentinho e Jorge Henrique na frente. No entanto, por conta das ausências, o trio não
atuou junto e o volante Paulinho ganhou uma vaga no meio. A retomada do 4-3-3, porém, deve ser a primeira atitude para o jogo decisivo no
Pacaembu. Abrir boa vantagem será essencial para o duelo de volta, dia 2, na Colômbia.

Pontos altos de 2011...

Volantes
Ralf continua impecável na marcação, e Paulinho tem substituído bem Elias. Ele e Jucilei se alternam na função de marcar e atacar, e têm recebido elogios de Tite.

Base e condicionamento
Dos 11 considerados titulares na última temporada, apenas três não jogam: William (se aposentou), Elias (vendido para o Atlético de Madrid-ESP) e ainda o lateral Alessandro (em recuperação física após catapora). O entrosamento é a arma para a equipe. Além disso, já no duelo de estreia, os jogadores mostraram que, apesar de começo de temporada, estão bem fisicamente, a se considerar pelo duelo contra a Lusa.

Roberto Carlos
Jogador começou o ano bem no apoio e regular atrás. Com 37 anos, ainda vive grande fase.

Ralf
Continua como o cão de guarda da defesa, com ótima cobertura. Já até salvou gol rival em cima da linha.

...E os pontos baixos de 2011

Sem reposição
A situação mais gritante é a ausência de Ronaldo. O time sofre sem uma referência, uma vez que Edno, improvisado, não resolve o problema de
Tite. Outros casos são a desconfiança com os reservas. Moacir na lateral direita e Castán na zaga não inspiram confiança para a Libertadores. E o
goleiro Julio Cesar também não tem reserva à altura.

Espaços e erros no meio
Nos últimos jogos, o Timão sofreu com o excesso de erros de passes no meio e com falhas na marcação. Tanto contra a Portuguesa como diante do Bragantino, o goleiro Julio Cesar ficou cara a cara com os atacantes rivais.

Moacir
Fez boas partidas em 2011, mas ainda é perseguido pela torcida. Em casa, quando pega na bola, é vaiado.

Ronaldo
Sua presença é imprescindível para a equipe, mas ele começou 2011 muito aquém da forma física.

Com foco na Libertadores, Corinthians se preocupa com lesões e ajustes táticos

Enviado por: Patricia Bernardo

Com foco na Libertadores, Corinthians se preocupa com lesões e ajustes táticos Com foco na Libertadores, Corinthians se preocupa com lesões e ajustes táticos 0

Veja Mais:

  • Corinthians foi derrotado e acabou caindo para a sétima colocação

    Derrota faz Corinthians perder duas posições na tabela de classificação

    ver detalhes
  • Corinthians humilha Tapetense no Facebook

    FÓRUM: Corinthians humilha Tapetense no Facebook

    ver detalhes
  • Walter foi eleito o melhor em campo neste domingo

    Walter é destaque, mas reservas não agradam e ficam com piores notas do Timão

    ver detalhes
  • Rodriguinho está fora da próxima rodada do Brasileirão

    Súmula informa cartão amarelo após partida e Corinthians terá outro desfalque

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes