De olho na crise, Andrés ainda não se anima com saída de Kleber do Verdão

De olho na crise, Andrés ainda não se anima com saída de Kleber do Verdão

O discurso do Corinthians ainda é tímido sobre a possibilidade de investir pesado na contratação do atacante Kleber, fora dos planos do Palmeiras. Após a derrota por 2 a 0 para o Botafogo, o presidente do Timão, Andrés Sanches, fez elogios ao Gladiador, mas deixou claro que ter interesse é bastante diferente de conseguir buscá-lo.

- Todo grande jogador interessa, mas ele tem contrato vigente. É um jogador espetacular, quem não queria? Mas entre querer e ter existe uma distância muito grande – afirmou o mandatário alvinegro.
O Corinthians quer usar com Kleber a mesma estratégia que adotou no caso Tevez. O Timão espera aproveitar a crise do jogador com seu clube para facilitar o negócio. A diferença é que do outro lado está o arquirrival Palmeiras. Apesar de querer se desfazer do atleta, o Verdão deve dificultar ao máximo a saída para algum outro clube adversário de São Paulo. A multa rescisória é de R$ 143,6 milhões.

A seu favor, Andrés Sanches conta com a estreita amizade que tem com o empresário Giuseppe Dioguardi e o próprio Kleber. O presidente abriu as portas do Parque São Jorge para o Gladiador, principalmente depois que a principal organizada ligada ao Corinthians divulgou recentemente a ficha de inscrição do atacante como torcedor do clube. O Gladiador chegaria como um reforço de peso e uma nova peça para o marketing.

Sanches, aliás, já começou a se movimentar nos bastidores. Em conversar com o presidente do Palmeiras, Arnaldo Tirone, o dirigente manifestou o interesse em contratar Kleber, mas não obteve resposta. No Verdão, o temor é de que a saída de Kleber para o Corinthians, mesmo em meio a tanta turbulência, cause uma revolta entre os torcedores, piorando ainda mais o clima depois da confusão envolvendo alviverdes e o volante João Vitor. Outra estratégia que o Corinthians pode utilizar é adquirir os 50% dos direitos que ainda pertencem ao Cruzeiro.

Kleber não joga mais pelo Palmeiras. O jogador se revoltou com o comportamento da direção durante o tumulto do caso João Vitor e foi afastado da delegação que enfrentou o Flamengo, quarta-feira, no Rio de Janeiro. O técnico Luiz Felipe Scolari e a direção comunicaram que ele não atua mais pelo clube. O Flamengo, que já tentou contratá-lo, pode voltar à disputa. A porta de saída está aberta.

Fonte: Globo esporte

Enviado por: Andre

Veja Mais:

  • Universidade Brasil firmou acordo com Corinthians para primeiro jogo da final estadual

    Corinthians anuncia patrocínio pontual para final do Paulistão; veja como fica a camiseta

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não volta ao Corinthians em 2017

    Corinthians empresta Alan Mineiro para quarto clube diferente em menos de um ano

    ver detalhes
  • Corinthians encerrou preparação contra a Ponte Preta

    Clima bom, susto de Pablo e escalação do Corinthians: o último treino antes da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Casuals foi derrotado nos pênaltis neste sábado; próxima temporada só em agosto

    Nos pênaltis, Corinthian-Casuals perde final e adia sonho de subir de divisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes